Cel Costa Filho
Terça, 31 de maio de 2016, 00:00 h - Atualizado em 31/05, 00:00 h

Cidade Segura?

O Coronel Costa Filho dá dicas de segurança

Cel Costa Filho:São José dos Pinhais
Autor: Redação
Foto: Divulgação.

O que torna uma cidade segura?

Muitas pessoas acham que o que torna uma cidade mais segura é a presença da polícia na rua, mas na prátrica a polícia é apenas uma parte da estrutura de segurança.

 Uma cidade para ser segura tem que ter muitos investimentos e contar com uma justiça “forte” e rápida para que os crimes não caiam no esquecimento ou fiquem impunes como ocorre nos dias de hoje, onde o marginal está a cada dia mais violento porque sabe que a probalidde de ser preso é muito pequena e que mesmo que seja preso, em pouco tempo estará livre para cometer novos crimes.

 Uma das medidas que atuam diretamente no aumento da segurança é a instalação em toda a cidade de câmeras de segurança, pois dessa forma caso seja cometido um crime, as imagens ajudam a identificar o autor e dar materialidade para a policia poder autuar e prender o marginal, além de que já está comprovado que nos locais monitorados a incidência de crimes diminui.

Mas achar que o poder público irá fazer isso é utopia, pois hoje em Curitiba, há várias câmeras instaladas, mas se estão funcionando ou trazendo algum retorno do investimento no aumento da segurança, ninguém sabe e praticamente ninguém comenta.

A mais de dois anos elaborei um projeto que foi entregue ao prefeito Gustavo Fruet através da Associação Comercial do Paraná, denominado “CIDADE SEGURA”, onde uma parceria público/privado, entre a população, as empresas de segurança e o municipio propiciaria uma visão de toda a cidade, sendo que o investimento público seria irrisório, mas o retorno para a população e o auxílio para a polícia no caso de crimes cometidos seria imenso, mas a vaidade política simplesmente fez a proposta ser arquivada, ou seja, o que interessa não é o interesse público, mas a briga de vaidades pelo poder.

Quem sabe o novo prefeito veja com mais atenção a segurança da cidade, que apesar de ser responsabilidade legal do Estado é fundamental que o município também faça a sua parte, porque apenas a soma de esforços fará com que não só Curitiba, mas todos os municípios possam melhorar a segurança e dar mais tranquilidade aos seus moradores.

E nunca esqueçam prevenir é sempre o melhor remédio.

*Por Cel. Costa Filho - Consultor de Segurança do SINDESP (Sindicato das Empresas de Segurança Privada do Estado do Paraná); Chefe do COPOM (Centro de Operações da Polícia Militar) – 190; Diretor de Logística da Polícia Militar e membro do Programa Estadual de Proteção a Testemunhas.



Seja o primeiro a comentar sobre esta notícia:



Colunista do dia
Mulheres de Sucesso

Mulheres de Sucesso

Mulheres de Sucesso


Vera Rosa

Vera Rosa

Coluna Vera Rosa




Mais lidas
Inscrições para o PUC Night Run estão abertas

Inscrições para o PUC Night Run estão abertas

Evento faz parte das comemorações aos 60 anos da PUCPR


 Clube Mulheres de Sucesso Araucária: Arlete Sofia Chincoviaki

Lolla lança label para transmissão dos jogos da Seleção Brasileira

Lolla lança label para transmissão dos jogos da Seleção Brasileira

Considerado um dos grandes fenômenos da noite curitibana, o bar preparou atrações especiais para os curitibanos assistirem aos jogos da Copas América


Desenho realista tem curso no Solar do Rosário

Desenho realista tem curso no Solar do Rosário

Técnicas para desenvolver ilustrações que parecem fotografias são ensinadas no Ateliê Permanente de Desenho Realista com Grafite no Solar do Rosário.


Clube Mulheres de Sucesso Araucária: Graciele Galize Figuel

Museu Atílio Rocco SJP recebe a exposição “BABUSHKIM”

Museu Atílio Rocco SJP recebe a exposição “BABUSHKIM”

A Secretaria de Cultura de São José dos Pinhais promove a partir desta sexta-feira (14) a exposição “BABUSHKIM”, do artista plástico Eloir Jr., no Museu Municipal Atílio Rocco, com entrada gratuita.



Mais notícias deste colunista


Veja também outros colunistas



Voltar ao topo©Squarebits Software 2016. (Heroku)