Cel Costa Filho
Terça, 13 de junho de 2017, 11:03 h - Atualizado em 13/06, 11:06 h

Segurança X Custos. Qual a prioridade?

Destaque da Semana

Cel Costa Filho:Cidades
Autor: Redação
Foto: Divulgação.

A segurança é e sempre será uma prioridade na vida de todos, pois sem nos sentirmos seguros, o nosso dia a dia torna-se muito angustiante.

Mas, como administrar o custo da segurança, quando todos os custos de uma forma geral aumentaram, a economia agora querendo mostrar sinais de recuperação e a prioridade é economizar para não “estourar” ainda mais o orçamento familiar que está a cada dia mais “apertado”.

Quer seja para uma residência ou para uma empresa, a receita é sempre a mesma, PLANEJAMENTO e PESQUISA.

Quem investe em uma estrutura para ter o mínimo de segurança têm ao final do mês um custo fixo.  

Para possamos diminuir esses custos, todos devem seguir uma máxima, que é uma expressão do empresário Jorge Paulo Lemann, que está na lista das 100 pessoas mais influentes do mundo da revista americana TIME, que sempre diz “Despesa é como unha. Tem que cortar sempre”.

Nas residências o que se pode fazer é tentar renegociar o valor com a empresa que presta o serviço de monitoramento e por menor que seja o desconto obtido, com certeza refletirá no orçamento doméstico.

Mas nos condomínios onde os custos são muito maiores, a despesa com os porteiros tem um peso muito grande na composição da taxa de condomínio, sendo que a tendência com o avanço vertiginoso da tecnologia é a troca do porteiro convencional por uma portaria remota ou virtual.

Portaria virtual – é aquela onde se dispensa o porteiro e o próprio morador é quem faz a liberação dos visitantes e entra no condomínio com o uso de ”tags”.

Portaria remota – é aquela onde se dispensa o porteiro e contrata uma empresa para fazer o controle da portaria remotamente. A vantagem é que nesse sistema se mantêm o controle total da portaria, sendo que nossa tecnologia hoje já utiliza o acesso do morador com Reconhecimento Facial e na garagem pelo Reconhecimento da Placa do veículo, dispensando o uso de controles remotos ou “tags”.

E nunca esqueçam, PREVENIR é sempre o melhor remédio.

Para tirar dúvidas mande um e-mail para coronelcosta181@gmail.com e para ver outras matérias, acesse www.coronelcosta.com.br

  



Seja o primeiro a comentar sobre esta notícia:



Colunista do dia
Amanda Lyra

Amanda Lyra

Clave do som


Tacy de Campos

Tacy de Campos

Coluna Tacy de Campos




Mais lidas
Teatro Sesi recebe o espetáculo Vigiar e Punir, com entrada franca

Teatro Sesi recebe o espetáculo Vigiar e Punir, com entrada franca

Manipulação de bonecos coloca Foucault em cena


MS Trade Show acontece em agosto em Curitiba

MS Trade Show acontece em agosto em Curitiba

Feira exclusiva para os segmentos custom, performance e acessórios automotivos com objetivo de networking, lançamentos e geração de negócio


Duo Santoro, José Staneck e Ana Letícia Barros brilham na Argentina no fim de junho

Duo Santoro, José Staneck e Ana Letícia Barros brilham na Argentina no fim de junho

Gêmeos violoncelistas, gaitista e percussionista apresentarão o espetáculo “Do Clássico à Bossa Nova”, em Córdoba, no domingo, 24 de junho,


Prefeito assina Decreto que autoriza cota de pagamento de passagem de ônibus em dinheiro

Prefeito assina Decreto que autoriza cota de pagamento de passagem de ônibus em dinheiro

A partir desta quinta-feira até 5% dos usuários poderão pagar a passagem em dinheiro


Desde a escola

Desde a escola

Ex nihilo nihil fit, pois do nada, nada surge


Previdência Social: mexeram na minha pensão!

Previdência Social: mexeram na minha pensão!

Qual seria o valor do benefício a receber?



Mais notícias deste colunista


Veja também outros colunistas



Voltar ao topo©Squarebits Software 2016. (Heroku)