História&Talento
Domingo, 30 de novembro de 2014, 00:00 h - Atualizado em 30/11, 01:50 h

Marjourie e Melanie

Dupla faz sucesso e participa de eliminatória no Programa Raul Gil




Foto: Divulgação.

O História & Talento desta semana traz o perfil da dupla Marjourie e Melanie. Nascidas e criadas em São José dos Pinhais, as irmãs contam um pouco de sua trajetória. Acompanhe. 

Foto: Divulgação.

Marjourie Porto Borges e Melanie Porto Borges são cantoras e irmãs.

Minha mãe nasceu em São José dos Pinhais mesmo, mas teve uma época que toda a sua família morou em Curitiba. Meu pai é de São Joaquim, em Santa Catarina, e veio por intermédio do nosso prefeito e do saudoso Darci de Paula Mendes, que então eram patrão do CTG Estância Velha, onde nossos pais se conheceram e começaram nossa família.

Nós começamos a estudar na Escola Municipal Mário Flores, onde fizemos parte do nosso ensino fundamental. Na mesma época, fazíamos aula no coral Corolido, também pela  prefeitura. Depois, passamos a estudar no Arnaldo Jansen.

A Marjourie, terminando o ensino fundamental, foi estudar no Costa Viana, para fazer magistério, enquanto a Melanie concluiu seus estudos no Arnaldo Jansen. Também fizemos parte da Cia Corpo São, com Kidd Souza.

A adolescência foi muito divertida para elas. “Fizemos amizades duradouras, e sempre tivemos boas notas. Exigência da mãe desde as primeiras aulas”.

Foto: Divulgação.

Qual é a sua visão da cidade de hoje e da cidade de antes?

A cidade cresceu muito, se transformou, de cidade pequena em metrópole.

 

Quais são os pontos negativos do desenvolvimento de SJP e considera quais os pontos positivos?

Muita gente veio em busca de progresso, quando era a terceira cidade que mais crescia no Brasil e junto veio a violência. Um ponto positivo é que hoje não precisamos mais sair da cidade quando precisamos de algo ou queremos nos divertir.

 

Foto: Divulgação.

Contem um pouquinho sua trajetória de vida.

A Marjourie trabalhava numa banda show desde os 15 anos. Aos 18, ela foi convidada a

participar de uma banda de forró em Florianópolis – SC, porém, a proposta não foi cumprida inteiramente, o que a trouxe de volta, após dois meses. Surgiu então, a oportunidade de participar de um festival de música sertaneja realizada pela rádio Clube Fm, ficamos em terceiro lugar.

Como dupla, cantávamos somente em casa, a não ser uma vez, em que tocamos na festa do pinhão, oportunidade dada pelo então Secretário do Esporte e Lazer Amarildo Rosa. 

Foto: Divulgação.

Uma viagem inesquecível foi nossa última viagem, que fomos para São Paulo gravar o programa Raul Gil. Não foi a única, mas uma das mais especiais e inesquecíveis. Éramos para pegar o voo as 6h30 da manhã, mas como não somos acostumadas a viajar de avião, não sabíamos que tínhamos que estar no aeroporto com uma hora de antecedência obrigatoriamente, apesar de terem nos avisado, mas ainda assim, como moramos perto do aeroporto, achamos que não teria problema chegar perto da hora do voo.

Quando nos disseram que perdemos o voo, choramos, gritamos, brigamos com as pessoas da companhia, contamos que era nosso sonho, que não podíamos perder essa chance, mas ainda assim, eles não tinham o que fazer, que a única opção que tinham é que teríamos que pagar uma taxa extra, e tentar o próximo voo. Conseguimos ir pra São Paulo, chegando lá as 9h, tínhamos alugado um carro, e saímos do aeroporto as 10h, horário em que já deveríamos estar na SBT.

Para ajudar, pegamos um congestionamento de 2h30, para fazer 40km e chegamos mega atrasadas e desesperadas de ter perdido o sonho. Graças a Deus, ainda chegamos a tempo de passar o som, de almoçar e nos arrumar correndo, para começar a gravação. Foi um sonho realizado, uma bela oportunidade da nossa carreira, e de muito nervosismo, mas sendo muito bem tratadas por toda a equipe da SBT.

Na volta, fomos para o hotel, descansamos, e dessa vez, uma hora antes, estávamos no aeroporto, para nossa volta para casa. Foi mega corrido, mas foi muito bom. A nossa grande conquista, além de estarmos participando do programa, é o nosso segundo cd, que será lançado em breve, mas que já está disponível na internet, no soundcloud e no palco MP3. 

Foto: Divulgação.

O nosso maior desafio está acontecendo nesse exato momento em nossa carreira, em que estamos participando do concurso Mulheres que Brilham no programa Raul Gil. Entre 9 mil inscritas, ao meio de tanta gente de muito talento, fomos uma das 48 classificadas.

E agora, há uma semana atrás, fomos classificadas para a segunda fase. E o mais gratificante, é o nosso novo trabalho, que está lindo. Vale a pena conferir, no soundcloud e no palco mp3.


Um desafio que enfrentamos, foi a última Festa do Pinhão da cidade. Estávamos prontas, ansiosas para cantar para o público de nossa cidade, e íamos abrir o palco principal, onde seria realizado o show do Luan Santana. De repente, fomos impedidas de realizar o show nesse palco pela equipe LS, o que foi uma grande decepção.

Mas, como tínhamos amigos, familiares e fãs nos esperando, que tinham vindo a festa por nós, fizemos o show no pequeno palco acústico, onde as pessoas vieram ao nosso encontro, e fizemos um show inesquecível, onde as pessoas participaram, cantaram e animaram conosco. Ao mesmo tempo que foi difícil, foi muito bom, e completamente inesquecível. 

Foto: Divulgação.

Com certeza, graças ao apoio de nossos pais, somos realizadas. Nosso trabalho está alcançando proporção nacional e estaremos, em breve, lançando nosso segundo cd.

Como vocês se definem enquanto pessoa?

Marjourie: Me defino como uma pessoa amiga, companheira, topo tudo, principalmente uma festa. Não sou uma pessoa tímida, gosto muito de conversar. Se algum amigo meu, estiver precisando de mim, largo tudo e vou ajudar. Gosto muito de comer. Agora, sou extremamente impaciente, ansiosa, sofro muito com isso.

 

Melanie: Me defino uma pessoa de personalidade forte, guerreira, mas, apesar das aparências, tenho um coração muito grande, que pensa em ajudar a todos os que estão próximos, e aos que também não estão.

 

Quais características marcam mais as personalidades das duas?
Determinação, garra e vontade de vencer.

 

Se vocês pudesse mudar alguma coisa em vocês, o que seria?
Marjourie: Eu gostaria muito de ser uma pessoa mais paciente.

Melanie: A minha teimosia

Foto: Divulgação.

Foto: Divulgação.

Deixem uma mensagem aos leitores do Portal.

Obrigada ao carinho de todas as pessoas com a gente, por toda a torcida em relação a nossa participação do programa, e que continuem torcendo por nós e compartilhando nosso trabalho. Temos muito orgulho de representar nossa cidade, e queremos ter o orgulho de vocês por nós.



Envie o seu comentário


Seja o primeiro a comentar sobre esta notícia:



Colunista do dia
História&Talento

História&Talento

História e Talento


Vera Rosa

Vera Rosa

Coluna Vera Rosa




Mais lidas
Para o friozinho, bolo de Pinhão, com apenas 3 ingredientes

Para o friozinho, bolo de Pinhão, com apenas 3 ingredientes

Receita deliciosa e fácil de fazer. Experimente


"Han Solo – Uma História Star Wars" chega à Cinesystem com promoção especial

"Han Solo – Uma História Star Wars" chega à Cinesystem com promoção especial

Na compra do Combo Max Super ou o Max Duplo + R$9,90, cinéfilo pode levar para casa um copo exclusivo com a temática do filme


Artistas voluntários do Projeto Solyra ganham festa de 1 ano

Artistas voluntários do Projeto Solyra ganham festa de 1 ano

Com o apoio de diversos empresários, o Projeto Solyra ganhou uma festa em comemoração ao seu primeiro ano


Paralisação nacional dos caminhoneiros afeta coleta de lixo em SJP

Paralisação nacional dos caminhoneiros afeta coleta de lixo em SJP

Caminhões de coleta estão parados pois os caminhões caçamba não conseguem descarregar no aterro de Fazenda rio Grande


Inscrições abertas para o 1º Concurso de Quadrilhas Juninas de Pinhais

Inscrições abertas para o 1º Concurso de Quadrilhas Juninas de Pinhais

Interessados podem se inscrever até o dia 8 de junho. As coreografias podem apresentar características urbanas e atuais de dança desde que m


4 bandas, dois seletores e um novo festival

4 bandas, dois seletores e um novo festival

1º Panapaná promove shows de bandas de Teresina, Londrina e Curitiba a preço popular



Mais notícias deste colunista


Veja também outros colunistas



Voltar ao topo©Squarebits Software 2016.