História&Talento
Domingo, 24 de maio de 2015, 00:00 h - Atualizado em 24/05, 00:00 h

História e Talento – O eterno Rei do Rock

Mesmo depois de anos de sua morte, as músicas e trejeitos do astro do rock estão mais vivos do que nunca!

História&Talento:Cultura
Autor: Redação
Foto: Arquivo pessoal.

Quem nunca ouviu a frase “Elvis não morreu”? Alguns acreditam em teorias mirabolantes, tentam provar suas teses em torno da suposição que Elvis não teria de fato morrido. Outros juram de pés juntos terem visto o Rei do Rock em diferentes localidades. Teorias conspiratórias ou não, depois da oficialização da morte do cantor que revolucionou a história da música, abriu-se uma lacuna intermitente na mente de seus fãs. E agora, como ficamos sem o charme, o carisma e a voz de Elvis?

Mas de fato Elvis não morreu em 1977. Seu talento, trejeitos e simpatia ficariam marcados na memória dos fãs da época, e por muito mais tempo, eternizados nos cover que surgiram do cantor. A inegável contribuição do rei é sempre lembrada e aclamada pelo público, e é com essa pessoa, esse personagem de Elvis Presley, que o Portal VRNews entrevista essa semana no História & Talento. Conheçam Sérgio Queiroz, o cover do Elvis Presley, diretamente de São José dos Pinhais.

Morador na cidade há 10 anos, Sérgio escolheu o município para morar “porque é uma região linda, com pessoas acolhedoras, uma cidade tranquila e com um crescimento ímpar”. Por aqui mantém sua família: a esposa Rosane Queiroz e os filhos Jessica e Marco Antônio. 

Paixão por Elvis

Foto: Arquivo pessoal.

Conhecer, ouvir e gostar de Elvis é uma tarefa fácil. Quando Sérgio tinha 11 anos, seu pai, como grande fã do cantor, comprou um disco em vinil chamado Elvis as Recorded at Madison Square Garden. O menino ficou maravilhado em ouvir, pela primeira vez, um show de Elvis Presley, “não acreditava no que estava ouvindo, foi pura emoção”. Logo sua imaginação foi longe e pensou em como seria ver o ídolo ao vivo, e a partir daquele momento, “Elvis modificou a minha vida, eu tive certeza absoluta que ele sempre estaria nela”, conta Sérgio.

Um ano mais tarde, o então aspirante a Elvis participou de um concurso musical no qual se classificou em 1°lugar, cantando canções do rei, claro. Passado o período de deslumbramento, Sérgio sempre procurou assistir aos shows, escutar os discos, comprar revistas e livros sobre o astro. Se formou bacharel em Ciências Contábeis, mas não seguiu carreira. Há seis anos se dedica exclusivamente a prestar homenagem ao cantor, com sua banda ou com play backs. A emoção é inevitável, tanto para quem escuta, como para ele que canta. 

Foto: Borgueza.

Dedicação ao que gosta

Sérgio tem site de seu trabalho e está antenado nas mídias online. O reconhecimento pelo esforço e dedicação nem sempre aparece na conta bancária do cantor, mas sim na emoção e no carinho que recebe do público nos shows. Esses momentos o impulsionam a dar o máximo de si e o estimula a sempre dar continuidade nesse constante tributo ao “nosso eterno rei do rock Elvis Presley”.

Viagem marcante

No dia 16 de agosto de 2011, Sérgio desembarcou em Memphis, cidade na qual Elvis Aaron Presley nasceu. Como bem descreve o intérprete “Foi um dos dias mais felizes de minha vida! Nunca tinha estado tão perto de meu ídolo. Conhecer Graceland e os pertences de Elvis foi um grande sonho realizado. Foram sentimentos e sensações inexplicáveis. Elvis é o maior cantor de todos os tempos, e farei a minha homenagem, como sempre faço”.

Honra ao mérito

Em fevereiro de 2012, Sérgio Queiroz recebeu o Prêmio de Consagração Pública por cinco anos de Desempenho Excepcional e Contribuição Permanente na Divulgação da Música Popular, onde participou na categoria rock. Esse Prêmio/Certificado é promovido pela empresa Inter shows, de São Paulo, e tem o apoio da Secretaria de Cultura do Estado de São Paulo. O Produtor Domingos Gurgel foi quem entregou o prêmio ao Elvis Cover Sérgio Queiroz. A entrega foi realizada na Casa Elvis, que fica em São José dos Pinhais, na qual é proprietário e o idealizador.

Foto: Juliana Biz.

Destino

“Daqui a vinte anos quero ainda estar cantando, fazendo os meus shows, que tanto amo e sempre com o maior  respeito ao meu público”, comenta Sérgio. O desejo do cantor é que as pessoas tivessem mais amor no coração, respeito e carinho com o próximo e com os animais. E que sempre buscando fazer seu trabalho com muita dignidade. Essa é a sua homenagem a Elvis Presley, que há 35 anos nos deixou.

“Fico imaginando como seria se ele estivesse conosco fisicamente, que músicas lindas ele estaria cantando pra nós, com sua voz única e sem igual. Felizmente Elvis deixou um legado gigantesco, então, vamos aproveitar e curtir ao máximo o maior cantor de todos os tempos. Esteja sempre com Deus, Elvis” - Elvis Cover Sérgio Queiroz.

Foto: Arquivo pessoal.



Seja o primeiro a comentar sobre esta notícia:



Colunista do dia
História&Talento

História&Talento

História e Talento


Vera Rosa

Vera Rosa

Coluna Vera Rosa




Mais lidas
Antropofocus comemora 18 anos com Temporada de aniversário

Antropofocus comemora 18 anos com Temporada de aniversário

Antropofocus 18 anos acontece no Teatro Zé Maria, de 18 a 27 de outubro.


Shopping São José promove ações em prol do Outubro Rosa

Shopping São José promove ações em prol do Outubro Rosa

Ações serão realizadas em parceria com o Clube da Alice com o objetivo de alertar sobre a importância da prevenção do câncer de mama


Grupo de ballet realizará apresentação no Teatro SESI SJP

Grupo de ballet realizará apresentação no Teatro SESI SJP

Cultura no Teatro SESI apresenta o espetáculo na quarta-feira (24)


Enfim, as escolas nascentes?

Enfim, as escolas nascentes?

Mais um texto da série especial


Espetáculo "Em casa a gente conversa" traz Cássio Reis e Juliana Knust

Espetáculo "Em casa a gente conversa" traz Cássio Reis e Juliana Knust

Peça aborda problemas rotineiros do casamento em duas apresentações no Teatro Regina Vogue


II Mostra Intermunicipal Mulheres na Ciência: exposições estão abertas

II Mostra Intermunicipal Mulheres na Ciência: exposições estão abertas

É a segunda vez consecutiva que o município de São José dos Pinhais realiza um evento dessa proporção.



Mais notícias deste colunista


Veja também outros colunistas



Voltar ao topo©Squarebits Software 2016. (Heroku)