Tiomkim
Segunda, 23 de abril de 2018, 00:00 h - Atualizado em 23/04, 00:00 h

Livro de poesias de Luiz Arthur Montes Ribeiro, escrito em quatro idiomas chega a São Paulo

Destaques da semana




Foto: Divulgação.

O escritor e poeta, Luiz Arthur Montes Ribeiro, lança na Capital Paulista, o livro “Jardins Imaginários da minha solidão”, uma coletânea de poesias escrita em quatro idiomas. Será no dia 25 de abril, na Livraria da Vila, da Alameda Lorena, a partir da 6 horas da tarde.*

A coletânea de poesias, “Jardins Imaginários da minha solidão”, do escritor, poeta e artista visual, Luiz Arthur Montes Ribeiro, foi publicada em português, inglês, espanhol e francês. O autor está comemorando 25 anos de literatura e quer alcançar o maior número possível de leitores e tornar suas obras, bastante acessíveis. Luiz Arthur tem nove livros publicados, quatro de poesias e os demais, na área da educação.

“Jardins Imaginários da minha solidão” foi escrito em 2014 e encerrou um período importante na vida do poeta, de profunda dor, angústia e solidão, de sentimentos contraditórios, após o rompimento definitivo da alma com um único amor. A obra é uma despedida dos seus Jardins Imaginários, de momentos vividos, outros sonhados, que causaram prazer, também enlouqueceram, mas que agora voltam de forma calma e serena, apenas nas lembranças.

Sobre o Escritor e Poeta

Luiz Arthur Montes Ribeiro nasceu no interior do Paraná e hoje vive e trabalha em Curitiba. Além da literatura, ele tem outras facetas artísticas, como a produção de telas em variadas técnicas, aquarelas, desenhos, objetos e instalações.  Nas obras abstratas, criadas com cores vivas e em grandes dimensões, o artista imprime de forma muito peculiar e única, a sua arte desenhada em palavras. No livro *‘’Jardins Imaginários da minha solidão’’* por exemplo*, *Luiz Arthur praticou toda a veia de artista visual, elaborando a ilustração completa da obra.

O escritor é graduado em Letras/Português, pós-graduado em Artes Plásticas pela Faculdade de Artes do Paraná, é Mestre em Educação pela PUC, Membro
Efetivo do Centro de Letras do Paraná e do Centro de Letras de Paranaguá Leôncio Correia. Premiado em concursos de poesias e contos, Luiz Arthur teve participação efetiva na arte e cultura d Paraná, fundando o Fórum de Cultura do Paraná. Foi Curador Oficial do Centro Cultural Brasil-Espanha e Curador Chefe do Espaço de Arte e Cultura Telepar Brasil Telecom. Criou também o Instituto Montes Ribeiro, para preservar a história de duas famílias bastante importantes no desenvolvimento da Região dos Campos Gerais, no centro-sul do Paraná. E para trabalhar ainda mais pelas artes, ele lançou em 2017, Luiz Arthur Montes Ribeiro Galeria de Arte, que se consolidou como o novo espaço cultural de Curitiba, para dar visibilidade ainda maior, às suas obras e às dos artistas de todo o Estado.

SERVIÇO:

Lançamento – Livro “Jardins Imaginários da minha solidão”, 70 páginas,
Editora InVerso

Data: 25/04/18

Local: Livraria da Vila – Alameda Lorena, 1731 – Jardim Paulista –

Telefone: (11) 3062-1063

Horário: das 18h às 20h

Editora: InVerso

Evento Gratuito

Contatos com o autor - (41) 99920-7349 e (41) 3044-0234

literatura@montesribeiro.com.br

contato@institutomontesribeiro.com.br



Envie o seu comentário


Seja o primeiro a comentar sobre esta notícia:



Colunista do dia
Julio Borges

Julio Borges

Artes Marciais


Tiomkim

Tiomkim

Coluna Tiomkim




Mais lidas
Espetáculo faz homenagem à vida de Carmen Miranda

Espetáculo faz homenagem à vida de Carmen Miranda

“O que é que a Maria tem?” será apresentado nos dias 18 e 19 de maio, às 16h, no Teatro Sesi Portão, com ingressos a partir de R$ 10


Deixa o povo amar como e quem quiser

Deixa o povo amar como e quem quiser

Uma carta contra o preconceito


CASACOR Paraná promove festa de lançamento do Anuário 2018

CASACOR Paraná promove festa de lançamento do Anuário 2018

A edição de 2018 da CASACOR Paraná aborda o tema “Casa Viva”.


Com a chegada do frio, Agência do Trabalhador de SJP abre mais cedo

Com a chegada do frio, Agência do Trabalhador de SJP abre mais cedo

A medida, segundo do diretor da Agência do Trabalhador Vilson Marques, será adotada até o fim do inverno



Mais notícias deste colunista


Veja também outros colunistas



Voltar ao topo©Squarebits Software 2016.