Domingo, 17 de fevereiro de 2019, 00:00 h - Atualizado em 17/02, 00:00 h

7 inspirações de empresas inovadoras que não param de crescer

Saiba como é possível criar uma cultura de inovação em um negócio

Daiana Barasa:Empreendedorismo
Autor: Daiana Barasa
O conteúdo desta matéria é de total responsabilidade do autor.
Foto: Divulgação.

O assunto inovação é sempre levantado no mundo dos negócios. O que faz as empresas inovadoras? Como os empreendedores podem criar uma cultura de inovação em seu negócio? O que fazer para que um negócio se movimente no campo da inovação e se destaque frente à concorrência?

No relatório de 2017, da Fast Company, foram apresentadas as 20 empresas mais inovadoras do mundo e a razão pela qual foram selecionadas. Dentre elas, destaco as 7 primeiras posições:

  1. Amazon – Essa empresa já era referência na compra e venda de produtos, mas agora também produz filmes e seriados. Criou livrarias e supermercados físicos e se aventurou até mesmo no mercado de hardwares com o Echo, produto mais vendido nas comemorações de fim de ano de 2017, que também tem em sua função o armazenamento em nuvem.
  2. Google – Hoje é mais do que um buscador, mas um dos exemplos de inovação. Atualmente faz parte da Alphabet, companhia com negócios em internet das coisas, saúde, energia e carros autônomos. Além disso, a empresa desenvolveu uma nova maneira de armazenar as fotos em nuvem, além da possibilidade de criar álbuns e vídeos com as imagens.
  3. Uber – Além de ter transformado o transporte nas grandes cidades, a empresa expandiu para o Uber Eats. Carros autônomos já circulavam na rua do Arizona, ditando uma nova tendência da empresa.
  4. Apple – É quase impossível falar de inovação e não mencionar a Apple. O iPhone 7, por exemplo, trouxe lucros recordes para a empresa, que não faturou tanto pelo smartphone, mas por desenvolver os próprios chips ao invés de obtê-los de um fornecedor.
  5. Snap – Antes era a rede social Snapchat e evoluiu para um negócio. A empresa lançou óculos exclusivos que gravam e postam vídeos.
  6. Facebook – No final de 2016, o lucro da empresa tinha dado um salto de 130%, equivalente a US$ 3,568 bilhões. Esse crescimento tão grande foi resultado do sucesso dos anúncios em plataformas móveis.
  7. Netflix – A empresa tem se dedicado cada vez mais à produção de conteúdo original, além de ter disponibilizado o acesso offline e ter alcançado quase todos os países do mundo.


Empresas inovadoras – o que elas fazem de diferente das demais?

A inovação é uma cultura e é interessante pensar que essa cultura pode ser implantada. Empresas inovadoras têm em comum alguns pontos que destaco, tais como:

  • Investem na contratação de talentos – Negócios que querem criar uma cultura de inovação investem em agregar pessoas talentosas ao seu time. Mas é importante aqui destacar que ao contratar um time de pessoas talentosas, é preciso que esse time tenha autonomia, espaço para ter ideias. Steve Jobs disse em uma das suas frases mais marcantes: “Não contrate pessoas talentosas para lhes dizer como têm que trabalhar, contrate-as para que elas lhe digam como você tem que trabalhar”. Para realmente um negócio desfrutar do seu time de talentos é preciso deixá-lo criar, usar todo o potencial.
  • Sempre ouça os clientes – É sempre fundamental ter um canal aberto para ouvir o que os clientes têm a dizer. É assim que é possível entender quais mudanças podem ser necessárias em um negócio, quais inovações realmente poderiam ser implantadas.
  • Errar é positivo para inovar – Quando nesse processo de tentar transformar e evoluir no negócio, ocorrerem falhas, é importante sempre pensar no que deu errado e o que pode ser tirado de aprendizado a toda a equipe. Tudo que não sair conforme o esperado deve gerar uma reflexão e não uma advertência como se aquilo não pudesse mais se repetir, porque em uma cultura de inovação erros são frequentes.

Inovar é preciso!

A inovação é o que dá vida às grandes empresas. Sem inovação, um negócio se torna comparável à concorrência e não lhe sobram muitas alternativas de competição no mercado, além de apenas concorrer pelo melhor preço.

Para inovar é preciso sair sempre da zona de conforto, não se inova usando a fórmula da cópia. Exemplos de empresas inovadoras, por exemplo, devem servir para inspirar apenas, não como uma cópia de atitudes, afinal, inovação é fator que remete à originalidade.

Para tentar uma inovação, seja na criação de algo totalmente novo ou na tentativa de melhorar algo que já existe, é necessário sair do automático. Acredito que inovar é mergulhar no mar das incertezas na busca por um porto de destaque.



Seja o primeiro a comentar sobre esta notícia:



Colunista do dia
Julio Borges

Julio Borges

Artes Marciais


Tiomkim

Tiomkim

Coluna Tiomkim




Mais lidas
Com mais de 350 espetáculos e 2.100 artistas, Fringe 2019 se mantém como uma das principais vitrines do teatro no Brasil

Com mais de 350 espetáculos e 2.100 artistas, Fringe 2019 se mantém como uma das principais vitrines do teatro no Brasil

Evento do Festival de Curitiba, aberto e sem curadoria, o Fringe atrai companhias profissionais voluntárias de todas as partes do País, bem como internacionais.


ROUBAR  – ATIVIDADE EM ALTA

ROUBAR – ATIVIDADE EM ALTA

Todos se perguntam o porque a violência e os assaltos aumentam a cada dia.


Abertura do Festival de Curitiba terá estreia nacional do espetáculo francês “Aquele que Cai (Celui qui Tombe)”

Abertura do Festival de Curitiba terá estreia nacional do espetáculo francês “Aquele que Cai (Celui qui Tombe)”

O espetáculo inédito do premiado coreógrafo, bailarino e acrobata francês Yoann Bourgeois fará parte da abertura do maior evento de artes cênicas do país.


Paul McCartney: ingressos esgotados em Curitiba

Paul McCartney: ingressos esgotados em Curitiba

stão esgotados os ingressos o show de Paul McCartney em Curitiba, dia 30 de março, no Estádio Couto Pereira.


5 projetos que são a cara do outono

5 projetos que são a cara do outono

Conheça 5 projetos que agregam conforto aos ambientes


Instituição curitibana oferece curso de iluminação para ambientes

Instituição curitibana oferece curso de iluminação para ambientes

O Light Design do Centro Europeu vai capacitar profissionais para um dos segmentos que mais cresce na arquitetura e decoração




Mais notícias desta categoria


Voltar ao topo©Squarebits Software 2016. (Heroku)