Sexta, 08 de dezembro de 2017, 12:18 h - Atualizado em 08/12, 12:20 h

Armas de fogo e crime hediondo.

Por Leila Carla Leprevost

Direito & Cidadania :Cidades
Autor: Redação
Foto: Divulgação.

Com o crescimento dos números da violência cotidiana, surgem novas alternativas legais que buscam uma punição mais dura aos criminosos, com a finalidade de coibir seus atos.

Nesse espirito, no ultimo mês de outubro entrou em vigor a Lei 13.497/2017, que torna crime hediondo a posse ou o porte ilegal de armas de fogo de uso restrito.

Uma arma de fogo de uso restrito é aquela que só pode ser utilizada pelas Forças Armadas, por algumas instituições de segurança, e por pessoas físicas e jurídicas habilitadas e devidamente autorizadas pelo Exército.

Com a nova lei, o porte e a posse de arma de uso restrito, passa ao patamar de crimes como o homicídio qualificado, latrocínio, estupro, genocídio, dentre outros, todos considerados hediondos.

Na prática, transformar em crime hediondo a posse ou o porte ilegal de armas de fogo, aumenta o tempo que o criminoso condenado por esse crime, ficara preso no regime fechado e torna mais rigorosa a obtenção de benefícios na execução da pena por esse delito. 

Com o endurecimento legislativo trazido pela nova lei se espera que ocorra a diminuição dos crimes praticados com armas de fogo de uso restrito, contudo, somente o tempo mostrará se a eficácia esperada da lei será alcançada.

Leila Carla Leprevost é advogada especialista em Direito Penal e Processo Penal, inscrita na OAB/Pr sob nº31.559.



Seja o primeiro a comentar sobre esta notícia:



Colunista do dia
Amanda Lyra

Amanda Lyra

Clave do som


Tacy de Campos

Tacy de Campos

Coluna Tacy de Campos




Mais lidas
Teatro Sesi recebe o espetáculo Vigiar e Punir, com entrada franca

Teatro Sesi recebe o espetáculo Vigiar e Punir, com entrada franca

Manipulação de bonecos coloca Foucault em cena


MS Trade Show acontece em agosto em Curitiba

MS Trade Show acontece em agosto em Curitiba

Feira exclusiva para os segmentos custom, performance e acessórios automotivos com objetivo de networking, lançamentos e geração de negócio


Duo Santoro, José Staneck e Ana Letícia Barros brilham na Argentina no fim de junho

Duo Santoro, José Staneck e Ana Letícia Barros brilham na Argentina no fim de junho

Gêmeos violoncelistas, gaitista e percussionista apresentarão o espetáculo “Do Clássico à Bossa Nova”, em Córdoba, no domingo, 24 de junho,


Prefeito assina Decreto que autoriza cota de pagamento de passagem de ônibus em dinheiro

Prefeito assina Decreto que autoriza cota de pagamento de passagem de ônibus em dinheiro

A partir desta quinta-feira até 5% dos usuários poderão pagar a passagem em dinheiro


Desde a escola

Desde a escola

Ex nihilo nihil fit, pois do nada, nada surge


Previdência Social: mexeram na minha pensão!

Previdência Social: mexeram na minha pensão!

Qual seria o valor do benefício a receber?




Mais notícias desta categoria


Voltar ao topo©Squarebits Software 2016. (Heroku)