Segunda, 15 de outubro de 2018, 00:00 h - Atualizado em 15/10, 00:00 h

Câncer de Pâncreas é na maioria das vezes é diagnosticada de forma tardia

Por isso apenas 15 a 20% dos pacientes são candidatos à cirurgia com potencial de cura.

Autor: HNSG
O conteúdo desta matéria é de total responsabilidade do autor.
Foto:

Pelo fato de grande partes dos casos serem diagnosticados tardiamente e por ser uma doença agressiva, o câncer de pâncreas apresenta alta taxa de mortalidade. No Brasil, segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA), é responsável por cerca de 2% de todos os tipos de câncer diagnosticados e por 4% do total de mortes por essa doença.

O pâncreas é uma glândula de aproximadamente 15 a 20 cm de extensão, que se localiza atrás do estômago - entre o duodeno e o baço, atravessando o abdômen. Sua função no organismo é produzir hormônios – como a insulina, glucagon e somatostatina e enzimas digestivas que auxiliam na digestão.

De acordo com o cirurgião geral do Hospital Nossa Senhora das Graças (HNSG), Dr. Eduardo Ramos, existem vários tipos de câncer de pâncreas, e o prognóstico pode mudar completamente de acordo com as características como o tipo do tumor, a localização, e se não há metástases. “O mais comum é o adenocarcinoma, tumor maligno que se forma nas glândulas de função exócrina. Já o linfoma de pâncreas é muito raro”, explica o médico.

Sintomas

O médico explica que os principais sintomas que podem indicar o câncer de pâncreas são dor (80%), icterícia - olhos amarelados, urina escura, fezes acinzentadas (60%), perda de peso (85%), fraqueza (86%), anorexia (80%), náuseas (50%), diarreia (45%) e vômitos (33%). “Os sintomas podem variar de acordo com a localização do tumor, mas o câncer de pâncreas pode se apresentar de forma assintomática por longo período”, relata o especialista.

O cirurgião geral explica que o diagnóstico na maioria das vezes é feito pela história clínica do paciente, com sintomas de perda de peso, dor abdominal ou icterícia. “O diagnóstico sem sintomas, para pacientes com adenocarcinoma não é frequente”, comenta Dr. Eduardo. Outros tumores pancreáticos, como lesões císticas ou neuroendócrinas, podem ser diagnosticados de forma secundária.

Dentre os fatores de risco para desenvolver o câncer de pâncreas, destacam-se idade, tabagismo e obesidade. “A doença é mais comum em homens, em pacientes diabéticos e com pancreatite crônica, por causas não elucidadas”, afirma o médico. Outro fator relacionado pode ter ligação genética. “Existem famílias que tem uma maior predisposição ao câncer de pâncreas”, afirma. Já o consumo de álcool, café e fatores dietéticos, não estão provados que tem relação com o câncer de pâncreas.

Tratamento

O tratamento consiste na retirada completa do tumor por cirurgia, associada à quimioterapia ou não e é fundamental para aumentar a qualidade é quantidade de vida, assim como a chance de cura. .“Aproximadamente, de 15 a 20% dos pacientes são candidatos à cirurgia com potencial de cura, devido ao diagnóstico ser frequentemente tardio, como doença mais avançada”, destaca o médico. Somente no HNSG já foram realizadas mais de 100 resecções pancreáticas.



Seja o primeiro a comentar sobre esta notícia:



Colunista do dia
Aninha Pazinatto

Jorge Marcondes

Jorge Marcondes

Coluna Papo de Piá




Mais lidas
Enfim, as escolas nascentes?

Enfim, as escolas nascentes?

Mais um texto da série especial


Espetáculo "Em casa a gente conversa" traz Cássio Reis e Juliana Knust

Espetáculo "Em casa a gente conversa" traz Cássio Reis e Juliana Knust

Peça aborda problemas rotineiros do casamento em duas apresentações no Teatro Regina Vogue


II Mostra Intermunicipal Mulheres na Ciência: exposições estão abertas

II Mostra Intermunicipal Mulheres na Ciência: exposições estão abertas

É a segunda vez consecutiva que o município de São José dos Pinhais realiza um evento dessa proporção.


Roger Waters: O gênio criativo do Pink Floyd em Curitiba

Roger Waters: O gênio criativo do Pink Floyd em Curitiba

Combinando clássicos do Pink Floyd, algumas canções novas e trabalho solo, o astro britânico desembarca na cidade no próximo dia 27 de outu


Câncer de Pâncreas é na maioria das vezes é diagnosticada de forma tardia

Câncer de Pâncreas é na maioria das vezes é diagnosticada de forma tardia

Por isso apenas 15 a 20% dos pacientes são candidatos à cirurgia com potencial de cura.


Vida de CHICO XAVIER em superprodução musical  “Um Cisco” estreia no Guairão

Vida de CHICO XAVIER em superprodução musical “Um Cisco” estreia no Guairão

A trama se desenvolve numa estação de trem, onde a vida do médium é narrada desde os seus 4 anos de idade até a sua morte, aos 92 anos.




Mais notícias desta categoria


Voltar ao topo©Squarebits Software 2016. (Heroku)