Terça, 26 de fevereiro de 2019, 00:00 h - Atualizado em 26/02, 00:00 h

Casamento perfeito: vinho e risoto

Especialista dá dicas de vinhos ideais para serem harmonizados com o clássico da gastronomia italiana

Lucas da P+G Comunicação Integrada:Gastronomia
Autor: Lucas da P+G Comunicação Integrada
O conteúdo desta matéria é de total responsabilidade do autor.
Foto: Divulgação.

 Nada melhor do que agradar as pessoas que gostamos. Uma maneira fácil e prática de conseguir isso, é com a gastronomia. Que tal apostar em um belo e versátil risoto, um clássico italiano, para conseguir uns pontinhos com aquela pessoa especial? Afinal, o jeito mais fácil de tocar no coração de alguém, é por meio do estômago.

 

O risoto pode ser servido como entrada em pequena quantidade, como prato principal ou ainda como acompanhamento de carnes. Além disso, a versatilidade permite que ele seja harmonizado com diversas bebidas, principalmente um vinho de qualidade. De acordo com Abel Blumenkrantz, executivo da Garage Vinhos, vinhos e risotos harmonizam tão bem que formam o “casal” perfeito da gastronomia.

 

Foto: Divulgação

No Brasil, os risotos mais conhecidos são o Risotto alla Milanese (risoto milanês), o Risotto com Funghi (risoto ao funghi) e o Risotto al Quattro Formaggi (risoto aos quatro queijos). Alguns ingredientes são indispensáveis para a receita, entre eles o arroz dos tipos arbório, arbório integral, carnaroli ou vialone nano, caldos aromáticos, cebola, manteiga, vinho e queijo.

 

Mas na hora da harmonização, qual é o vinho ideal para cada risoto? Para Abel, os ingredientes do preparo irão definir essa escolha. Os ingredientes utilizados no risoto é que vão determinar qual o melhor vinho para a harmonização. Antes de escolher a bebida, é fundamental prestar atenção nas peculiaridades do preparo. Como o risoto é muito versátil, o leque de vinhos para harmonização também é muito grande”, comenta.

 

Foto: Divulgação

Segundo o especialista, os vinhos brancos e rosés costumam acompanhar muito bem risotos preparados com ingredientes leves. “Se você for fazer um risoto com legumes ou frutos do mar, os brancos e rosés são um complemento perfeito”, explica. “Mas as receitas com carne, linguiça, cordeiro ou carne de caça, precisam de um vinho com mais intensidade. Daí eu sugiro a harmonização com tintos leves”, completa Abel.

 

Confira algumas dicas especiais do especialista:

 

  • Risotos de filé mignon, com funghi, carne seca e ou linguiça

            Vinho: Casa Scarpa

            Tipo de uva: Tinta

            Uva: Barbera D´Asti

            Origem: Itália

 

  • Risoto de frutos do mar, com mexilhões, lulas e ou polvo.

            Vinho: Casas del Toqui Reserva  Sauvignon Blanc

            Tipo de uva: Branca

            Uva: Sauvignon Blanc

            Origem: Chile

 

·        Risoto de aspargos com presunto parma

            Vinho: Espumante De Vergy Blanc de Blancs Brut

            Tipo de uva: Brancas

            Uvas: Ugni Blanc, Colombard, Chardonnay

            Origem: França

 

  • Risoto de queijo brie:

            Vinho: Las Perdices Reserva Chardonnay

            Tipo de uva: Branca

            Uva: Chardonnay

            Origem: Argentina



Seja o primeiro a comentar sobre esta notícia:



Colunista do dia
Julio Borges

Julio Borges

Artes Marciais


Tiomkim

Tiomkim

Coluna Tiomkim




Mais lidas
Com mais de 350 espetáculos e 2.100 artistas, Fringe 2019 se mantém como uma das principais vitrines do teatro no Brasil

Com mais de 350 espetáculos e 2.100 artistas, Fringe 2019 se mantém como uma das principais vitrines do teatro no Brasil

Evento do Festival de Curitiba, aberto e sem curadoria, o Fringe atrai companhias profissionais voluntárias de todas as partes do País, bem como internacionais.


ROUBAR  – ATIVIDADE EM ALTA

ROUBAR – ATIVIDADE EM ALTA

Todos se perguntam o porque a violência e os assaltos aumentam a cada dia.


Abertura do Festival de Curitiba terá estreia nacional do espetáculo francês “Aquele que Cai (Celui qui Tombe)”

Abertura do Festival de Curitiba terá estreia nacional do espetáculo francês “Aquele que Cai (Celui qui Tombe)”

O espetáculo inédito do premiado coreógrafo, bailarino e acrobata francês Yoann Bourgeois fará parte da abertura do maior evento de artes cênicas do país.


Paul McCartney: ingressos esgotados em Curitiba

Paul McCartney: ingressos esgotados em Curitiba

stão esgotados os ingressos o show de Paul McCartney em Curitiba, dia 30 de março, no Estádio Couto Pereira.


5 projetos que são a cara do outono

5 projetos que são a cara do outono

Conheça 5 projetos que agregam conforto aos ambientes


Instituição curitibana oferece curso de iluminação para ambientes

Instituição curitibana oferece curso de iluminação para ambientes

O Light Design do Centro Europeu vai capacitar profissionais para um dos segmentos que mais cresce na arquitetura e decoração




Mais notícias desta categoria


Arroz cremoso de frango

Arroz cremoso de frango

Receita caseira

Sexta, 15 de março de 2019, 00:00 h

Catchup de melancia

Catchup de melancia

Chef Iracema Bertoco – Centro Europeu

Quinta, 14 de março de 2019, 00:00 h



Voltar ao topo©Squarebits Software 2016. (Heroku)