Quarta, 10 de dezembro de 2014, 00:00 h - Atualizado em 10/12, 00:00 h

Cientista que virou mãe vem a Curitiba

Workshop será sobre o livro “Educar sem Violência – criando filhos sem palmadas”

Redação:Curitiba
Autor: Redação
Foto: Divulgação.

Nesta semana, pela primeira vez em Curitiba, Ligia Moreiras Sena responsável pelo blog “Cientista que Virou Mãe” vem à capital paranaense para um workshop sobre seu livro “Educar Sem Violência – criando filhos sem palmadas”. O evento, promovido pela Maternarum, é voltado a mães, pais e educadores e acontece quinta-feira, dia 11, às 19h30, no Teatro A Fábrika. As inscrições podem ser feitas pelo site www.maternarum.com.bre custam R$ 110 por pessoa. No dia do evento, haverá um espaço kids para crianças acima de 18 meses. As brincadeiras ficarão a cargo da Casa Labirinto e tem adicional de R$ 30.

 

Com mais de três milhões de acessos, o blog www.cientistaqueviroumae.com.br traz a experiência da autora como mãe, que optou por um maternar ativo e propõe às famílias uma maneira mais humana, amorosa e comprometida de lidar com as crianças. A mesma linha segue no livro escrito em parceria com Andréia Mortensen, moderadora da página “Crescer sem Violência”. Traz ideias de como lidar com as birras, apresenta a disciplina positiva e os benefícios de criar os filhos com amor e respeito, na base do diálogo, sem usar a violência.

 

Sobre Ligia Moreiras Sena

É mãe de Clara, bióloga, mestre em psicobiologia, doutora em farmacologia e pesquisadora de assistência ao parto, violência obstétrica e medicalização da infância e do corpo feminino. Mudou de área estimulada pela maternidade e atualmente faz doutorado em Saúde Coletiva. Seu blog é reconhecido em toda a América Latina.

 

Sobre Maternarum

É uma comunidade com foco no empreendedorismo materno. Desde sua criação, idealizada por Gandharvika Ocque que optou por não voltar ao trabalho após a licença maternidade para ficar próxima do seu filho, tornou-se uma grande rede colaborativa onde mães participam de conversas, oficinas e buscam oportunidade dematernar com mais liberdade. Atualmente tem grande força no desenvolvimento pessoal, na maternidade ativa e no empreendedorismo colaborativo.

 

Serviço

O que: Workshop “Educando Sem Violência”

Quando: 11 de dezembro, quinta-feira, às 19h30

Onde: Teatro A Fábrika – Rua Fernando Amaro, 154 – estacionamento conveniado com entrada na Reinaldo S. de Quadros

Quanto: R$ 110 por pessoa. Área Kids R$ 30

Inscrições e informações: www.maternarum.com.br



Seja o primeiro a comentar sobre esta notícia:



Colunista do dia
Cel Costa Filho

Cel Costa Filho

Segurança em Debate


Juliana Saraiva

Juliana Saraiva

Coluna Juliana Saraiva




Mais lidas
Paula Lima chega a Curitiba com “Soul Lee”, projeto em que interpreta canções de Rita Lee

Viola Quebrada faz show no Centro Cultural Sistema FIEP

Viola Quebrada faz show no Centro Cultural Sistema FIEP

Um dos principais grupos caipiras do país se apresenta com entrada franca em ação do Sesi Cultura Paraná


Pinhais iniciou a Semana de Jogos de Ginástica

Pinhais iniciou a Semana de Jogos de Ginástica

O evento chega a sua 8ª edição e é realizado pela Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer (SEMEL)


Balé Teatro Guaíra apresenta Plataforma Novos Criadores

Balé Teatro Guaíra apresenta Plataforma Novos Criadores

Apresentação de dança contemporânea acontece no palco do Guairão nos dias 20 e 21 de agosto. A entrada é gratuita e a capacidade é de 100 pessoas por sessão


Mais de 3 mil pessoas participaram da 5° Edição da Caminhada Internacional na Natureza

Mais de 3 mil pessoas participaram da 5° Edição da Caminhada Internacional na Natureza

A 5° edição da Caminhada aconteceu no último domingo (18) e bateu o recorde de participantes comparado às anteriores.


Filme-Concerto comemora os 130 anos de Chaplin

Filme-Concerto comemora os 130 anos de Chaplin

Ação do Instituto de Apoio à Orquestra Sinfônica do Paraná (IAOSP) exibe “Tempos Modernos” com música ao vivo, no Teatro Positivo




Mais notícias desta categoria


Voltar ao topo©Squarebits Software 2016. (Heroku)