Terça, 27 de novembro de 2018, 00:00 h - Atualizado em 27/11, 00:00 h

Começa a 1ª Semana Internacional da Leitura

Evento segue com programação na Biblioteca Pública do Paraná até a próxima sexta-feira (30/11)

Comunicacao Seec:Curitiba
Autor: Comunicacao Seec
O conteúdo desta matéria é de total responsabilidade do autor.
Foto: Divulgação.

Começou hoje (26/11) a 1ª Semana Internacional da Leitura,  promovida pela Secretaria de Estado da Cultura (SEEC) na Biblioteca Pública do Paraná (BPP). O evento, que  vai até a próxima sexta-feira (30/11), reúne especialistas do Brasil e outros países para junto com o público realizar mesas-redondas, palestras e conferências com o objetivo de aprimorar o conhecimento adquirido pelos agentes de leitura e profissionais que trabalham em bibliotecas e servidores ligados à área de leitura e literatura, além da comunidade. Nomes importantes como o da francesa Christine Razet, o da escritora Marina Colasanti e o da especialista espanhola Inês Miret fazem parte da programação. A semana acontece simultaneamente ao II Encontro de Agentes de Leitura do Paraná, que marca o encerramento das atividades do projeto. Confira a programação no www.cultura.pr.gov.br.

Segundo o secretário de Estado da Cultura, João Luiz Fiani, a semana é um momento especial de um projeto que só em 2018 formou 50 mediadores de leitura. “Esse evento é uma autoafirmação da literatura do Estado que por muito tempo ficou em segundo o plano. Nessa gestão colocamos ela como protagonista das ações porque acreditamos que o livro tem capacidade de transformar as pessoas em cidadãos melhores”, avalia.

Rogério Pereira, diretor da BPP, comenta que o evento é um momento de celebração e encontro. “Um momento onde os agentes e especialistas nesse projeto celebram, discutem ideias e possibilidades de como atingir as pessoas para que elas se encontrem com o gosto pela leitura e se apaixonem pelo livro. São ações como essa que dão oportunidade para que todos tenham acesso ao livro e a leitura no sentido lúdico, com o afeto e carinho”, afirma.

 

A diretora do Instituto Dom Miguel, Grimalda Amorim, instituição que realiza a produção executiva do Agentes de Leitura, comenta que o esse projeto marca um momento de mudanças. Ela compartilha uma das tantas histórias que o livro e o projeto já transformaram. “Um dos nossos agentes que trabalha em presídios fez um trabalho de trocar as armas de brinquedo que esses adolescentes reclusos tinham por livros dentro das celas. Essa é uma mudança de cultura, de humanização e transformação das pessoas”, diz.

 

Investimentos

O projeto Agentes de Leitura conta com investimentos de recursos fiscais da empresa Audi do Brasil, por meio do Programa Paraná Competitivo. Para o presidente Johannes Roscheck, a escolha de investir no projeto é pelo Paraná acreditar na educação e na cultura como transformação das pessoas. “Gerar desenvolvimento humano para nós da Audi, no mundo inteiro, tem o mesmo valor que gerar tecnologia. Um dos pilares estratégicos de atuação social da empresa é a educação e, neste sentido, acreditamos que o programa Agentes de Leitura traz um impacto muito positivo para os jovens”, afirma Johannes.

Serviço

1ª Semana Internacional da Leitura 


II Encontro de Agentes de Leitura do Paraná e Seminário de Avaliação do Plano Estadual do Livro Leitura e Literatura (PELLL) 

Encontro de Bibliotecas Públicas do Paraná

Local: Biblioteca Pública do Paraná
Data: de 26 a 30 de novembro 
Cândido Lopes, 133
(41) 3221-4900  (41) 3225-6883

Confira a programação completa AQUI.



Seja o primeiro a comentar sobre esta notícia:



Colunista do dia
Aninha Pazinatto

Jorge Marcondes

Jorge Marcondes

Coluna Papo de Piá




Mais lidas
você sabe o que é fish n’ chips?

você sabe o que é fish n’ chips?

O grande destaque da gastronomia britânica ganhou espaço no Brasil e hoje é uma febre para quem busca um preparo rápido e delicioso


Mondrí Spazio Gastronomia recebe o “1º EnCÃOtro de São José dos Pinhai

Girls Rock Camp Curitiba oferece oficina de baixo para mulheres adulta

Girls Rock Camp Curitiba oferece oficina de baixo para mulheres adulta

Quem nunca teve nenhuma experiência com o instrumento, tem a oportunidade de dar os primeiros passos


Secretaria de Cultura inicia aulas de violino para crianças na Contenda

Secretaria de Cultura inicia aulas de violino para crianças na Contenda

Prefeitura inicia aulas de violino para crianças no Centro Catequético da paróquia, na Contenda.


OAB-Subseção Lapa/PR promove encontro em comemoração ao Dia Internacional da Mulher

“Peça Para Adultos Feita Por Crianças”: montagem trata de temas adulto

“Peça Para Adultos Feita Por Crianças”: montagem trata de temas adulto

Tendo “Hamlet” como ponto de partida, espetáculo é encenado por crianças, mas voltado para plateia de adultos




Mais notícias desta categoria


Voltar ao topo©Squarebits Software 2016. (Heroku)