Quarta, 21 de fevereiro de 2018, 12:05 h - Atualizado em 21/02, 13:58 h

Dança Livre a Dois abre novas turmas

Com opção de aulas na Mahayana Integração Corpo e Alma e no Bistrô e Café Camões

Amanda Lyra:Curitiba
Autor: Amanda Lyra
O conteúdo desta matéria é de total responsabilidade do autor.
Foto: Divulgação.

Ministrado por Ravi Brasileiro, o projeto Dança Livre a Dois estimula e permite que se dance todos os tipos de música com qualquer pessoa, independente de possíveis limitações, proporcionando liberdade para experimentar movimentos. Potencializa a empatia entre as pessoas, que reconhecem na dança a sua própria graciosidade e a capacidade de expressão corporal.

Novas turmas de Dança Livre a Dois iniciam a partir de março. É possivel também  experimentar a Vivência Aberta, uma aula aberta e gratuita para quem quiser conhecer e se deliciar que acontece no Espaço Mahayana no dia 04 de março. As incrições podem ser feitas pelo telefone (41) 99802-8024.

As turmas regulares em Curitiba acontecem Uma na Mahayana Integração Corpo e Alma às terças 19h30 e outra no Bistrô e Café Camões às quartas 19h.

O projeto Dança Livre a Dois, elaborado pela Mahayana Integração Corpo e Alma, apresenta a dança como uma grande facilitadora de nossa expressão social, corporal e emocional. É uma proposta cultural e artística na qual a dança é apresentada como fator medicinal e integrador, que se adéqua ao cotidiano e que se harmoniza com as atividades da vida contemporânea.

De forma livre e fluida  aprende-se a dançar por dançar ou para eventos específicos como Casamentos, formaturas, etc.

Dançar liberta, potencializa a saúde plena e transforma a monotonia em vivacidade.

 

Mais sobre Ravi Barsileiro e a Dança

Para tornar o encontro da dança mais agradável a quem não tem experiência no salão, Ravi Brasileiro percebeu que temos pouquíssimos compassos de música para tornar a dança fluida e interessante.

Passou então a explorar os seus conhecimentos musicais como recursos criativos na sua dança, que propõe conexão com as sutilezas dos arranjos, do contato, dos olhares e também a unir os gêneros e passos de dança com mais fácil assimilação

Em 2015, iniciou o desenvolvimento da metodologia e dinâmicas da Dança Livre a Dois, que tem transformado pessoas cada vez mais intensamente.

Artista desde 1998, o cantautor e dançarino Ravi Brasileiro iniciou seus estudos na dança de salão em 2009, como parte da equipe da Escola Edson Carneiro, filial do Jaime Aroxa em Curitiba.

Entre os workshops e cursos realizados, destaca o master class com os tri-campeões mundiais de salsa, Carine Morais e Rafael Barros e aulas com Jaime Aroxa e Carlinhos de Jesus.

 

Mais informações no site

http://dancalivreadois.com

 



Seja o primeiro a comentar sobre esta notícia:



Colunista do dia
Amanda Lyra

Amanda Lyra

Clave do som


Gustavo Siqueira

Gustavo Siqueira

Santa catarina Em Foco


Tacy de Campos

Tacy de Campos

Coluna Tacy de Campos




Mais lidas
“Peça Para Adultos Feita Por Crianças”: montagem trata de temas adulto

“Peça Para Adultos Feita Por Crianças”: montagem trata de temas adulto

Tendo “Hamlet” como ponto de partida, espetáculo é encenado por crianças, mas voltado para plateia de adultos


 Cinema de Mulheres segue com exibições até 28 de março no MIS-PR

Cinema de Mulheres segue com exibições até 28 de março no MIS-PR

A mostra de filmes faz parte da programação do Mês das Mulheres nos espaços da SEEC


Museu Municipal abre exposição “São José dos Pinhais anteontem, ontem

Museu Municipal abre exposição “São José dos Pinhais anteontem, ontem

“São José dos Pinhais anteontem, ontem e hoje”, com fotografias que mostram a cidade com o passar dos anos.


    326 anos de Curitiba são brindados no Mercado Municipal de Curitib

326 anos de Curitiba são brindados no Mercado Municipal de Curitib

Programação é voltada para as famílias


99 e Peita lançam camiseta exclusiva para mulheres

99 e Peita lançam camiseta exclusiva para mulheres

Estampando a frase “Dirija como uma garota”, aplicativo questiona o estereótipo que difama motoristas mulheres


O premiado espetáculo “Para não morrer” ganha o palco do Sesi São José

O premiado espetáculo “Para não morrer” ganha o palco do Sesi São José

Inspirado na obra “Mulheres”, de Eduardo Galeano, a montagem traz histórias verídicas de mulheres da resistência




Mais notícias desta categoria



Casa Grená´em sintonia com a causa social.

Casa Grená´em sintonia com a causa social.

SAIA DESSA

Segunda, 11 de março de 2019, 00:00 h


Uma aventura em Xangai

Uma aventura em Xangai

Destaques da semana

Segunda, 25 de fevereiro de 2019, 00:00 h

Voltar ao topo©Squarebits Software 2016. (Heroku)