Terça, 05 de março de 2019, 00:00 h - Atualizado em 05/03, 00:00 h

“Elza” apresenta a trajetória da cantora Elza Soares em canções que retratam resistência e reinvenção

As múltiplas facetas apresentadas ao longo de sua carreira estão em cena no musical.

Adriane Perin:Teatro
Autor: Adriane Perin
O conteúdo desta matéria é de total responsabilidade do autor.
Foto: Divulgação.

A Mostra do Festival de Curitiba é conhecida por trazer espetáculos premiadíssimos. Em sua edição de 2019, um deles é o musical “Elza”, que conquistou o Prêmio Reverência nas categorias Melhor Espetáculo, Melhor Direção (Duda Maia), Melhor Autor (Vinícius Calderoni) e Melhor Arranjo (Letieres Leite). Além disso, está indicado no Prêmio APCA em duas categorias: Melhor dramaturgia e melhor atriz – Larissa Luz. O espetáculo estará no Guairão nos dias 5 e 6 de abril.

A trajetória de Elza Soares é sinônimo de resistência e reinvenção. As múltiplas facetas apresentadas ao longo de sua carreira estão em cena no musical. Larissa Luz, convidada para a montagem, e outras seis atrizes selecionadas após uma bateria de testes (Janamô, Júlia Tizumba, Késia Estácio, Khrystal, Laís Lacorte e Verônica Bonfim), dividem a missão de evocar a intérprete, através do texto de Vinícius Calderoni e da direção de Duda Maia.

Pedro Luís, Larissa Luz e Antônia Adnet assinam a direção musical e o maestro Letieres Leite foi o responsável pelos novos arranjos para clássicos do repertório da cantora, como ‘Lama’, ‘O Meu Guri’, ‘A Carne’ e ‘Se Acaso Você Chegasse’. O projeto foi idealizado por Andrea Alves, da Sarau Agência, a partir de um convite da própria Elza e de seus produtores Juliano Almeida e Pedro Loureiro.

Foto: Divulgação

O espetáculo foi desenvolvido, no momento em que Elza se encontra no auge de uma carreira marcada por reviravoltas e renascimentos. Ao lançar seus últimos dois discos, ‘A Mulher do Fim do Mundo’ (2015) e ‘Deus é Mulher’ (2018), a cantora não somente ampliou ainda mais seu repertório e o imenso leque de fãs, como conquistou, mais uma vez, a crítica internacional, e se consolidou como uma das principais vozes da mulher negra brasileira.

“O espetáculo é uma grande celebração da mulher. É a vez e a voz da mulher brasileira em cena”, diz a produtora Andrea Alves, responsável por espetáculos recentemente premiados, como “Suassuna – O Auto do Reino do Sol” – que esteve na Mostra 2018 do Festival de Curitiba -, “Auê” e “Gota D’Água [a seco]”.

Vinícius Calderoni, autor do texto, chama a atenção para a coletividade do processo de criação e montagem. Após ter escrito as primeiras páginas, ele começou a frequentar os ensaios e estabeleceu um rico intercâmbio com Duda Maia e as sete atrizes. “Hoje poderia dizer que elas são coautoras e colaboradoras do texto. São sete atrizes negras e múltiplas, como a Elza é. Diante da responsabilidade enorme, eu estabeleci limites de fala para mim, por exemplo, em relação a alguns temas. Limitei a minha voz e disse que não escreveria nada, queria os relatos delas e as opiniões. Pedi a colaboração das experiências vividas por uma mulher negra. Do mesmo jeito que a Duda propôs muitas coisas, as atrizes também tiveram este espaço”, conta o dramaturgo.

Tal processo colaborativo se estendeu para a música, com a participação ativa das atrizes e das musicistas nos ensaios com Pedro Luís e Letieres Leite, que liderou algumas oficinas com o grupo no período dos ensaios. O processo gerou ainda duas canções inéditas que estão na peça: “Ogum”, de Pedro Luís, e “Rap da Vila Vintém”, de Larissa Luz. Se a escolha de Pedro para a função foi referendada pela própria Elza – que gravou e escolheu um verso do compositor para nomear seu último disco –, Larissa já estava envolvida com o projeto desde o seu embrião.

Foto: Divulgação

Apresentadores, patrocinadores e apoiadores

O Festival de Teatro de Curitiba tem parceiros fundamentais para sua realização e é apresentado pelo Banco RCI Brasil, com patrocínio da Junto Seguros, EBANX, Uninter e GRASP.  

Os eventos simultâneos – Programa Guritiba, MishMash, Gastronomix e Risorama -, igualmente, contam com o apoio de parceiros importantes para levar a arte, cultura e entretenimento ao público.

O Programa Guritiba é apresentado por Caterpillar e Perkins Motores, com patrocínio da Tradener Comercialização de Energia e tem como apoiadores as empresas Novozymes, New Holland, Mili e Savana | Mercedes-Benz. São parceiros também na realização do Guritiba a Berneck, Brose do Brasil e o BRDE.

O Banco RCI Brasil, Instituto Grupo Boticário e a Denso do Brasil apresentam o MishMash, evento que tem também o patrocínio da Unimed Curitiba e Rumo.

O Risorama é apresentado pela Potencial Petróleo e Restaurante Madero e patrocinado por Lojas Havan, FH, Ferramentas Worker e Sistema Fiep. O segmento de stand up comedy do Festival de Curitiba tem também o apoio do Grupo Barigui.

O Gastronomix, por sua vez, é apresentado por Electrolux, tem o patrocínio da Melitta e o apoio da Electra Energy, Da Magrinha e da Ritmo Logística. Conta ainda com a Oxford como fornecedora da louça oficial do evento.

As bilheterias do Festival de Curitiba são uma parceria com o ParkShoppingBarigüi e o Shopping Mueller.

Ingressos

Os ingressos para os espetáculos em cartaz nos espaços administrados pelo Centro Cultural Teatro Guaíra (Guairão, miniauditório, Guairinha e José Maria Santos) estão disponíveis apenas pelo site e pontos de venda do Disk Ingressos. Os ingressos para as demais 1330 sessões seguem disponíveis nos canais oficinais do evento: pelo site (www.festivaldecuritiba.com.br), aplicativo “Festival de Curitiba 2019” e nas bilheterias físicas do ParkshoppingBarigüi (Piso Superior – Lado Norte) e Shopping Mueller(Piso L3).

Valores:

Mostra 2019 – De R$ 0 a R$ 70,00 (entrada inteira) + taxa administrativa

Fringe – De R$ 0 a R$ 60,00 (entrada inteira) + taxa administrativa

Serviço: bilheterias Disk Ingresso

Teatro Guaíra - Curitiba

Endereço: Rua 15 de Novembro.

Atendimento: 10h às 22h de segunda à segunda.

 

Shopping Estação

Endereço: Av. Sete de Setembro, 2775

De segunda a sábado, das 10h às 22h

Domingo, das 14h às 20h.

 

Shopping Mueller

Endereço: Av. Cândido de Abreu, 127

De segunda a sábado, das 10h às 22h.

Domingo, das 14h às 20h.

 

Shopping Palladium

Avenida Presidente Kennedy, 4121 - Lj3088

De segunda a sexta, das 11h às 23h.

De segunda a sábado, das 10h às 22h.

Domingo, das 14h às 20h.

 

Bilheteria Teatro Positivo - Curitiba

Endereço: Rua Prof. Pedro Viriato Parigot de Souza, 5300

De segunda a sexta, das 11h às 15h e das 16h às 20h.

Sábado, das 17h às 21h (caso haja eventos)

 

Shopping São José

Endereço: Rua Dona Izabel A Redentora, 1434

De segunda a sábado, das 10h às 22h.

Domingo, das 14h às 20h.

 

Call center: (41) 3315 0808, de segunda a sábado, das 9h às 21h. Domingo, das 9h ás 18h.

FICHA TÉCNICA

Elenco: Janamô, Júlia Tizumba, Késia Estácio, Khrystal, Laís Lacôrte, Verônica Bonfim. Atriz Convidada: Larissa Luz. Direção: Duda Maia. Texto: Vinícius Calderoni. Direção Musical: Pedro Luís, Larissa Luz e Antônia Adnet. Arranjos: Letieres Leite. Idealização e Direção de Produção: Andréa Alves. Cenário: André Cortez. Figurinos: Kika Lopes e Rocio Moure. Iluminação: Renato Machado. Visagismo: Uirandê de Holanda. Design de Som: Gabriel D’Angelo.

05 E 06 DE ABRIL ÀS 21H NO GUAIRÃO

Copyright © 2019 Festival de Curitiba, All rights reserved.
Você está recebendo esta mensagem porque trabalha com comunicação e pode estar interessado na divulgação deste evento. Se não é o caso, fique à vontade para se desinscrever desta lista.

Nosso endereço é:
Festival de Curitiba

Rua Coronel Dulcídio 540

Curitiba, Paraná 82930-480

Brazil



Seja o primeiro a comentar sobre esta notícia:



Colunista do dia
Julio Borges

Julio Borges

Artes Marciais


Tiomkim

Tiomkim

Coluna Tiomkim




Mais lidas
Com mais de 350 espetáculos e 2.100 artistas, Fringe 2019 se mantém como uma das principais vitrines do teatro no Brasil

Com mais de 350 espetáculos e 2.100 artistas, Fringe 2019 se mantém como uma das principais vitrines do teatro no Brasil

Evento do Festival de Curitiba, aberto e sem curadoria, o Fringe atrai companhias profissionais voluntárias de todas as partes do País, bem como internacionais.


ROUBAR  – ATIVIDADE EM ALTA

ROUBAR – ATIVIDADE EM ALTA

Todos se perguntam o porque a violência e os assaltos aumentam a cada dia.


Abertura do Festival de Curitiba terá estreia nacional do espetáculo francês “Aquele que Cai (Celui qui Tombe)”

Abertura do Festival de Curitiba terá estreia nacional do espetáculo francês “Aquele que Cai (Celui qui Tombe)”

O espetáculo inédito do premiado coreógrafo, bailarino e acrobata francês Yoann Bourgeois fará parte da abertura do maior evento de artes cênicas do país.


Paul McCartney: ingressos esgotados em Curitiba

Paul McCartney: ingressos esgotados em Curitiba

stão esgotados os ingressos o show de Paul McCartney em Curitiba, dia 30 de março, no Estádio Couto Pereira.


5 projetos que são a cara do outono

5 projetos que são a cara do outono

Conheça 5 projetos que agregam conforto aos ambientes


Instituição curitibana oferece curso de iluminação para ambientes

Instituição curitibana oferece curso de iluminação para ambientes

O Light Design do Centro Europeu vai capacitar profissionais para um dos segmentos que mais cresce na arquitetura e decoração




Mais notícias desta categoria


Voltar ao topo©Squarebits Software 2016. (Heroku)