Sexta, 15 de março de 2019, 00:00 h - Atualizado em 15/03, 11:54 h

Grupo Galpão apresenta “Outros” no Festival de Curitiba

Com direção de Marcio Abreu, novo trabalho dialoga com a performance e investiga os atuais sentidos do fazer artístico no Brasil contemporân

Festival de Curitiba 2019:Cultura
Autor: Festival de Curitiba 2019
O conteúdo desta matéria é de total responsabilidade do autor.

Em sua 24ª montagem, o Grupo Galpão, que conta com patrocínio master da Petrobras, retorna ao Festival de Curitiba dando continuidade à bem sucedida parceria com o diretor Marcio Abreu. Em “Outros”, que integra a Mostra 2019, a poesia, a escuta, a alteridade, o olhar para a dimensão do espaço público compõem uma dramaturgia polifônica e sensível aos tempos atuais. As apresentações acontecem nos dias 28 e 29 de março, às 21h, no Teatro da Reitoria.

O espetáculo nasce como uma consequência natural do amadurecimento das inquietações trabalhadas na premiada montagem “Nós” (2016), que foi destaque na edição passada do Festival de Curitiba, em 2018. “[O espetáculo] é exatamente a expressão desse nosso momento. É um desdobramento consciente do primeiro trabalho que fizemos juntos. É uma experiência criativa que aprofunda a pesquisa numa escuta social performativa, que se constitui dramaturgicamente valendo-se de percepções múltiplas do mundo e de como ele age sobre nós”, descreve o diretor Marcio Abreu.

Nessa busca pelo outro e pelo lugar do artista na atualidade, o grupo desenvolve a escuta como linguagem, e investiga a construção da memória, o impacto do agora no porvir, as possibilidades e impossibilidades do hoje. Assim, trata da radicalidade contemporânea, da necessidade de ruptura com pensamentos arraigados que devem perecer, mas que persistem como estruturas.

Foto: Divulgação.

A busca levou a uma expressão dramatúrgica que ultrapassa a extensão da palavra e culmina no inverso da fala, dando ênfase para outras formas de linguagem, como o silêncio, o movimento, o gesto. O resultado é uma peça tecida com os rastros de memória presentes não só no discurso, mas fundamentalmente nos corpos das atrizes e atores que ocupam o palco.

O texto do espetáculo foi construído na sala de ensaio, a partir do material levantado em exercícios e performances de rua, individuais e coletivas, propostas pelo diretor e pelos próprios atores, ambos alimentados por um laboratório de performance ministrado pela artista Eleonora Fabião. Foi durante essa experiência que a simbólica mesa de reunião do Galpão saiu do espaço privado e foi passear pelo centro de Belo Horizonte, enquanto atores e atrizes convidavam pessoas para se sentar, dividir seu tempo e histórias com eles. Assim o cotidiano da rua foi atravessado pelos corpos dos artistas, dando voz e protagonismo ao público, e gerando as primeiras abstrações para concretização de “Outros”.

Durante todo o processo de pesquisa para a montagem, o elenco se debruçou em diversas  leituras, como “Frigorífico”, do francês Joel Pommerat, e “Os embebedados”, do russo Ivan Viripaev. Tais referências serviram de material, junto aos outros exercícios, para a criação da dramaturgia, elaborada em conjunto por Marcio Abreu e os atores Eduardo Moreira e Paulo André.

Essas experiências somadas também foram traduzidas nas músicas, compostas pelos próprios atores, que executam ao vivo em cena. Nas palavras do diretor, “Outros” descreve trajetórias entre o cheio e o vazio, entre a insuficiência das palavras e a potência do silêncio, entre construção e ruína, entre os tempos, passado, presente e futuro e que busca interligar o artístico, o existencial e o político, reagindo à dureza e à violência desses tempos nossos quando a ignorância usada como arma sustenta um fascismo crescente e contra o qual precisamos lutar com as armas das linguagens, do amor, do erotismo e da consciência.

Grupo Galpão -  Criado em 1982, em Belo Horizonte (MG), o Grupo Galpão é uma referência incontornável no cenário teatral brasileiro, cuja origem está ligada à tradição do teatro popular e de rua.  Desde o início, o grupo desenvolve um trabalho que alia rigor, pesquisa e busca de linguagem, com peças que possuem grande poder de comunicação com o público. É um dos grupos brasileiros que mais circula, não só pelo Brasil, como pelo exterior, tendo participado de vários festivais em países da América Latina, América do Norte e Europa. Formado por 12 atores, o Galpão construiu sua linguagem artística a partir de encontros com diversos diretores, como Eid Ribeiro, Gabriel Villela, Cacá Carvalho, Paulo José, Yara de Novaes, entre outros, criando um teatro que dialoga com o popular e o erudito, a tradição e a contemporaneidade, o teatro de rua e de palco, o universal e o regional brasileiro.

Foto: Divulgação

Galpão e Petrobras

Há quase 20 anos, o Grupo Galpão conta com o patrocínio da Petrobras. Foram muitos espetáculos montados, temporadas nacionais, turnês por todas as regiões do Brasil e presença em festivais proporcionados por essa parceria. Este ano, a Petrobras continua apostando no compromisso do Galpão: reinventar a vida por meio da arte, possibilitando a vivência do teatro, como alegria e transformação, para um público cada vez maior.

Vídeo: https://www.youtube.com/user/grupogalpao

Apresentadores, patrocinadores e apoiadores

O Festival de Teatro de Curitiba tem parceiros fundamentais para sua realização e é apresentado pelo Banco RCI Brasil, com patrocínio da Junto Seguros, EBANX, Uninter GRASP, Cielo, Copel e Governo do Estado do Paraná.


Os eventos simultâneos – Programa Guritiba, Mish Mash, Gastronomix e Risorama -, igualmente, contam com o apoio de parceiros importantes para levar a arte, cultura e entretenimento ao público.


O Programa Guritiba é apresentado por Caterpillar e Perkins Motores, com patrocínio da Tradener Comercialização de Energia e tem como apoiadores as empresas Novozymes, New Holland, Mili e Savana | Mercedes-Benz. São parceiros também na realização do Guritiba a Berneck, Brose do Brasil e o BRDE.


O Banco RCI Brasil, Instituto Grupo Boticário e a Denso do Brasil apresentam o Mish Mash, evento que tem também o patrocínio da Unimed Curitiba e Rumo.


O Risorama é apresentado pela Potencial Petróleo e Restaurante Madero e patrocinado por Lojas Havan, FH, Ferramentas Worker e Sistema Fiep. O segmento de stand up comedy do Festival de Curitiba tem também o apoio do Grupo Barigui. A cerveja oficial do evento é a Cacildis.


O Gastronomix, por sua vez, é apresentado por Electrolux, tem o patrocínio da Melitta e o apoio da Electra Energy, Da Magrinha e da Ritmo Logística. Conta ainda com a Oxford como fornecedora da louça oficial do evento. Stella Artois é cerveja oficial do evento.


As bilheterias do Festival de Curitiba são uma parceria com o ParkShoppingBarigüi e o Shopping Mueller.

 

Ingressos

A venda dos ingressos será pelo site www.festivaldecuritiba.com.br, pelo aplicativo “Festival de Curitiba 2019” e nas bilheterias oficiais do evento, no ParkShoppingBarigüi (Piso Superior – Lado Norte), de segunda a sexta, das 11h às 23h, no sábado, das 10h às 22h e, aos domingos, das 14h às 20h; e no Shopping Mueller (Piso L3), de segunda a sábado, das 10h às 22h, domingos e feriados das 14h às 20h.

Ficha técnica

Elenco: Antonio Edson, Beto Franco, Eduardo Moreira, Fernanda Vianna, Inês Peixoto, Júlio Maciel, Lydia Del Picchia, Paulo André, Simone Ordones, Teuda Bara. Direção: Marcio Abreu. Dramaturgia: Eduardo Moreira, Marcio Abreu e Paulo André. Iluminação: Nadja Naira. Cenografia: Marcelo Alvarenga - Play Arquitetura. Figurino: Paulo André e Gilma Oliveira. Trilha e Efeitos Sonoros: Felipe Storino. Direção de movimento: Kenia Dias. Colaboração artística: Nadja Naira, Felipe Storino e Kenia Dias. Interlocuções artísticas: Leda Martins e Eleonora Fabião. Músicas originais: Beto Franco, Fernanda Vianna, Inês Peixoto, Julio Maciel e Paulo André, Lydia Del Picchia e Luiz Rocha, Teuda Bara e Luiz Rocha. Preparação musical e arranjos vocais/instrumentais: Ernani Maletta. Preparação vocal: Babaya. Direção de produção: Gilma Oliveira. Produção executiva: Beatriz Radicchi. Assistência de Direção: Paulo André, Lydia Del Picchia e Eduardo Moreira. Assistência de produção: Cleo Magalhães. Assistência de Cenografia: Thays Canuto. Assistência de Iluminação e operação de luz: Rodrigo Marçal. Assistência de sonorização e operação de som: Fábio Santos. Adereços: Junia Melillo. Cenotécnica e construção de objetos: Joaquim Pereira e Helvécio Izabel. Confecção de figurino: Bárbara Toffanetto, Maria Antônia, Penha Hermisdorf e Sonia Maria da Boa Viagem. Assistente técnico: William Teles. Estagiárias de Cenografia: Laís Martins e Taísa Campos. Estagiárias de Figurino: Emiliana Normandia, Élida Murta e Maria Cândida Lacerda. Técnica de Gyrotonic: Waneska Torres. Registro e cobertura audiovisual: Luiz Felipe Fernandes. Fotografia: Guto Muniz. Projeto gráfico: Estúdio Lampejo. Produção: Grupo Galpão.

A Petrobras é patrocinadora do Grupo Galpão.

Classificação indicativa: 16 anos

28 E 29 DE MARÇO ÀS 21H NO TEATRO DA REITORIA

 



Seja o primeiro a comentar sobre esta notícia:



Colunista do dia
Amanda Lyra

Amanda Lyra

Clave do som


Gustavo Siqueira

Gustavo Siqueira

Santa catarina Em Foco


Tacy de Campos

Tacy de Campos

Coluna Tacy de Campos




Mais lidas
Startup oferece aulas online de inglês completamente grátis

Startup oferece aulas online de inglês completamente grátis

A plataforma curitibana Kultivi trabalha com dezenas de cursos gratuitos oferecidos por meio de economia compartilhada


Passeio Ciclístico será realizado neste domingo (26)

Passeio Ciclístico será realizado neste domingo (26)

Neste domingo, dia 26 de maio, acontecerá o passeio ciclístico em São José dos Pinhais


Festival de Inverno do Centro Histórico de Curitiba é confirmado de 18

Festival de Inverno do Centro Histórico de Curitiba é confirmado de 18

Julho é historicamente o mês mais frio de Curitiba.


Cantor mineiro comanda pocket show na Livraria Cultura

Cantor mineiro comanda pocket show na Livraria Cultura

Tuca Oliveira apresenta nesta sexta-feira (24) canções do álbum “As Flores do Começo”


Teatro de sombras conta história do cientista Albert Einstein no Museu Paranaense

Teatro de sombras conta história do cientista Albert Einstein no Museu Paranaense

Atração voltada ao público infantil inicia nesta terça-feira, dia 21 de maio, até 2 de junho. Entrada gratuita


Curitiba terá dia especial de atendimento  aos microempreendedores individuais

Curitiba terá dia especial de atendimento aos microempreendedores individuais

Mutirão do MEI, nesta quinta-feira, contará com várias entidades para auxiliar os MEIs com orientações para melhorar negócios




Mais notícias desta categoria


Voltar ao topo©Squarebits Software 2016. (Heroku)