Terça, 06 de novembro de 2018, 10:34 h - Atualizado em 06/11, 10:35 h

LIMPANDO A SOCIEDADE

Destaque da Semana

Cel Costa Filho:Variedades
Autor: Redação
Foto:

O Brasil e os brasileiros estão no limite da tolerância com relação a ação indiscriminada dos marginais.

Não temos mais como aceitar marginais circulando livremente com armamentos a mostra e atacando o cidadão indefeso, e sem poder de reação.

A polícia está de “mãos amarradas”, pois ao prender os marginais tem consciência de que logo estarão novamente soltos para continuarem a cometer seus crimes.

A proposta do novo Presidente, apesar de muitos a acharem extrema, infelizmente para situações extremas se requer ações extremas. Ela se faz necessário, ou seja, eliminar quem estiver ostensivamente com fuzis ou armamento considerado nocivo à sociedade.

Tenho certeza, que tão logo alguns marginais sejam abatidos, os demais irão começar a pensar antes de saírem as ruas com a mesma ostensividade bélica para assaltar ou matar inocentes.

            Isso nos faz refletir sobre a importância de uma polícia “forte” para a sociedade como um todo. É comum vermos uma boa parte da população reclamando da ação das polícias em todos os Estados, mas como se percebe com o que está ocorrendo, a situação torna-se caótica sem a presença do policiamento.

            Infelizmente o ser humano necessita de uma estrutura de controle para poder viver em sociedade, pois não adianta ter a grande maioria ordeira e honesta, se uma minoria, que tenha em seu íntimo a disposição de cometer crimes, mas que refreia seus instintos por saber que a polícia pode aparecer a qualquer momento com uma atuação forte e imediata.

Mas se não houver a polícia para lhes colocar “freios”, irá ocorrer o que está acontecendo, marginais sem medo da polícia.

            Outra avaliação que temos que fazer, é sobre o que a população espera da polícia e o que essa mesma população faz para que a polícia possa trabalhar e produzir melhores resultados, que ao final venha a melhorar a qualidade de vida de todos. Nossa legislação, como sempre cito em minhas colunas é muito mais direcionada para manter o marginal livre na rua e não gerar custos para Estado, deixando para o cidadão que paga seus impostos, que o mesmo arque com os problemas de verem ladrões, assassinos e delinquentes entrando e saindo das delegacias após cometerem seus crimes, amparados pela impunidade que nossa lei lhes proporciona, enquanto a população a cada dia se tranca mais dentro de suas casas.

            Por isso devemos sempre cobrar de nossos representantes legais uma boa estrutura, não só para a segurança pública, mas também para a educação e para a saúde, pois são essas três estruturas, que se forem bem organizadas, preparadas, capacitadas, devidamente reconhecidas e valorizadas, farão com que tenhamos uma vida tranquila e segura, por isso temos que apoiar quem pretende nos defender.

E nunca esqueçam, prevenir é sempre o melhor remédio, e para ver outras matérias, acesse www.coronelcosta.com.br



Seja o primeiro a comentar sobre esta notícia:



Colunista do dia
Mulheres de Sucesso

Mulheres de Sucesso

Mulheres de Sucesso


Vera Rosa

Vera Rosa

Coluna Vera Rosa




Mais lidas
Dieta cetogênica aliada no tratamento para mal de Parkinson

Dieta cetogênica aliada no tratamento para mal de Parkinson

Dados compravam a eficácia da dieta, além do Parkinson


Centro Europeu leva alta gastronomia para a Casa Cor

Centro Europeu leva alta gastronomia para a Casa Cor

A principal escola de gastronomia do Brasil vai promover uma série de atividades gratuitas na mostra de arquitetura e decoração


Irmãos Cavalera apresentam show inédito em Curitiba

Irmãos Cavalera apresentam show inédito em Curitiba

A turnê “Max & Iggor Cavalera’s Return to Beneath Arise” trará músicas emblemáticas da banda Sepultura, fundada pela dupla


Pizza de frango e requeijão low carb

Pizza de frango e requeijão low carb

Ao som de Whitesnake


Kaju - O maluCão

Kaju - O maluCão

Venha conhecer o Golden Retriever mais querido do Rio de Janeiro


Teatro Guaíra recebe concerto As Grandes Orquestras Francesas

Teatro Guaíra recebe concerto As Grandes Orquestras Francesas

Regido pelo maestro francês Gilles Gambus, espetáculo com apresentação exclusiva em Curitiba faz homenagem ao Easy Listening




Mais notícias desta categoria


Voltar ao topo©Squarebits Software 2016. (Heroku)