Quarta, 04 de julho de 2018, 17:20 h - Atualizado em 04/07, 17:23 h

Marcha pela Diversidade conta com mais de 30 atrações

Manifestação será no domingo e tem nove horas de programação e luta contra a LGBTIfobia

Luana Angreves:São José dos Pinhais
Autor: Luana Angreves
O conteúdo desta matéria é de total responsabilidade do autor.
Foto:

Domingo, 8 de julho, será realizada em Curitiba a 3ª Marcha Pela Diversidade. Durante nove horas, mais de 30 atrações sobem ao palco montado na Praça Santos Andrade e seguem o Trio Elétrico a partir das 14h até a Praça Zacarias. Imperador Sem Teto, Raissa Fayet e Mulamba são algumas das artistas confirmadas. Além dos shows, haverá apresentações performáticas, DJs e falas de conscientização quanto ao combate a LGBTIfobia.

 

O evento é organizado pela Aliança Nacional LGBTI, Grupo Dignidade, Coletivo Cássia e TransGrupo Marcela Prado e geralmente acontece no final de junho, mas devido ao mau tempo foi transferido para esse fim de semana. A marcha foi criada em 2016 com o intuito de conscientizar a população LGBTI sobre a necessidade de combate à LGBTIfobia, em alusão ao dia 17 de Maio, Dia Internacional de Combate à Violência Contra Pessoas LGBTI.

 

A organizadora do Coletivo Cássia, Ananda Puchta, explica que o intuito da marcha é proporcionar um ambiente de conscientização política das pessoas LGBTI de Curitiba, trazendo a tona debates acerca dos direitos LGBTI, como combate à violência, ao bullying e evasão escolar, a necessidade de acolhimento dos jovens LGBTI que não tem apoio familiar etc. “É uma tentativa de criar um espírito de comunidade, para que todas as pessoas se sintam responsáveis e parte da causa. A inclusão é a nossa bandeira”, reforça Ananda.

 

O Brasil ocupa a triste posição de país que mais mata pessoas transexuais e transgêneros, no mundo. O ranking foi elaborado por uma organização civil europeia, chamada Transgender Europe. Segundo o relatório da ONG, em números absolutos, foram assassinados no Brasil, entre 2008 e 2016, 868 pessoas trans, aquelas que não identificam o próprio gênero com o sexo biológico. E não é só isso. No último ano o Brasil bateu seu recorde de assassinatos de LGBTI: 2017 teve 30% a mais que em 2016.

 

Durante a manifestação serão vendidas camisetas e copos da Marcha Pela Diversidade. O valor arrecadado será usado na reforma da sede, espaço que dá apoio a população LGBTI através de atendimentos psicológicos, testagem rápida de HIV e promovendo os direitos humanos LGBTI. O Grupo Dignidade é a primeira ONG no Paraná e a segunda mais antiga do Brasil, atuando há 26 anos na defesa e promoção dos direitos LGBTI. Também é possível comprar o kit antecipado através do link: http://bit.ly/marchapeladiversidade .


 

Trajeto

A mobilização começa às 11h na Praça Santos Andrade. A partir das 14h, a marcha segue pela Rua João Negrão, Av. Marechal Deodoro até a Praça Zacarias e encerramento será na Av. Luiz Xavier, na Boca Maldita.


 

ATRAÇÕES CONFIRMADAS

 

Bloco Saí do Armário e Me Dei Bem

 

DJs

Kalvin Freitas

Everton Bitencourt

Kuruh

Wander Bueno

Neh Hoffmann

Murilo prestes

Alice cavazotti

Carmen Agulham

 

Drags

Shayanne Ashela

Scarlet Bastos

Thalita Pereira

Soraya Outback

Layla Albuquerque

Alexia Mozzer

Linda Power

Hellen Werneck

Myrella Massafera

Barbra+amigas

Myrella Albuquerque

Patricia Lemonge

Jhenny Willer

Barbara Bueno

 

Bandas

Raissa Fayet

Imperador Sem Teto

Mulamba

 

SERVIÇO

Marcha pela Diversidade

Data: 08 de julho

Hora: A partir das 11h

Local: Concentração Praça Santos Andrade e às 14h segue até a Boca Maldita

Evento gratuito

 



Seja o primeiro a comentar sobre esta notícia:



Colunista do dia
Julio Borges

Julio Borges

Artes Marciais


Tiomkim

Tiomkim

Coluna Tiomkim




Mais lidas
Espaço Bamboo comemora seu primeiro ano em grande estilo

Espaço Bamboo comemora seu primeiro ano em grande estilo

Show com a banda Voraz , Oficinas, comida, flash tattos e muito mais.


São-joseense, Rodrigo de Paula vai pedalar quase 5 mil km no trajeto Ushuaia

São-joseense, Rodrigo de Paula vai pedalar quase 5 mil km no trajeto Ushuaia

Antes de pegar o avião em dezembro, ele participou do 1º Ciclo Turismo Reservas Ambientais – Eco Guaricana


Mulheres de Sucesso: Valquiria Crispim

Mulheres de Sucesso: Valquiria Crispim

Destaque da Semana


Colônia Murici comemora 140 anos de fundação

Colônia Murici comemora 140 anos de fundação

Medalha que marca a importância da colonização também é referência de um século da primeira entidade de comércio da cidade, a Sociedade Agrícola São José (1906)


Inclusão: novembro terá ‘Dia do Lazer Acessível’ com diversas atividades em SJP

Inclusão: novembro terá ‘Dia do Lazer Acessível’ com diversas atividades em SJP

SEMEL – realiza no próximo dia 24/11 evento com objetivo de promover ainda mais integração de pessoas com necessidades especiais (PNE) do município.


Então é Natal

Então é Natal

Fofuretes da Semana




Mais notícias desta categoria


Voltar ao topo©Squarebits Software 2016. (Heroku)