Quinta, 01 de março de 2018, 00:00 h - Atualizado em 06/04, 22:48 h

Molho Bolonhesa

Receita do molho à bolonhesa tradicional


Vale a Pena Ler de Novo: Gastronomia


Foto: Divulgação.

Conhecido no mundo inteiro como o símbolo da culinária italiana, o molho bolonhesa é um cozido lento de carne bem picada.

Criado na Bolonha, região do norte da Itália, o Ragù alla bolognese tem como base a carne, legumes, vinho, leite e tomates.

A Accademia Italiana della Cucina registrou a receita do molho à bolonhesa em 1982, na Câmara de Comércio de Bolonha, mesmo assim, existem algumas variações da receita original e que também são consideradas tradicionais.

As receitas divergem quanto ao tipo de vinho (branco, rose ou tinto), tipo de gordura usada para refogar os legumes (manteiga, azeite de oliva e óleo) e quanto a carne utilizada (bovina, porco ou uma mistura das duas).

Mas todas concordam com a presença dos legumes (cenoura, cebola e salsão) e com a adição do leite.

Como grande parte da culinária de Bolonha, este molho depende de sabores sutis, por isso não há alho. Mas há receitas que acrescentam ervas aromáticas e outros temperos, como noz moscada.

O leite é um ingrediente chave para o molho à bolonhesa. E deve ser adicionado quando a carne perde a cor rosada. Neste estágio, ele penetra facilmente na carne, tornando-a extremamente macia e levemente adocicada.

Para fazer um molho à bolonhesa autêntico não existe uma maneira de reduzir o tempo de cozimento de 3 horas em fogo brando, pois leva muito tempo para o molho atingir a textura aveludada e a carne torna-se macia.

O molho à bolonhesa é tradicionalmente servido com tagliatelle ou lasanha.

Receita do molho à bolonhesa tradicional

- 4 Colheres de sopa de manteiga sem sal

- ½ xicara de cebola bem picada

- ½ xicara de cenoura bem picada

- ½ xicara de salsão bem picado

- 600g de carne moída bovina, como o patinho ou suína, como o lombo e bacon ou ainda, uma combinação das duas.

- 2 xicara de leite integral

- 2 xicara de vinho tinto seco

- 800g de tomate em lata cortado em cubos

- 1 pitada de noz moscada

- 1 pitada de canela em pó

- folhas de manjericão fresco

- Azeite de oliva extra virgem

- Sal a gosto

Modo de fazer

Aqueça a manteiga numa panela média e refogue a cebola, até ficar transparente. Adicione a cenoura e salsão e refogue até que estejam macios, em torno de 6 a 8 minutos. Acrescente a carne moída e mexa com uma colher de pau até que a carne perca a cor rosada. Adicione o leite e deixe evaporar completamente. Adicione o vinho tinto e deixe cozinhar até secar, mexendo de vez em quando. Adicione o tomate (com o líquido da lata) e deixe cozinhar em fogo baixo por 3 horas, com a tampa entreaberta. Tempere com a noz moscada, canela, sal e pimenta. Desligue o fogo e adicione as folhas de manjericão e um fio de azeite de oliva. Mexa e sirva.



Envie o seu comentário


Seja o primeiro a comentar sobre esta notícia:


Colunista do dia
Amanda Lyra

Amanda Lyra

Clave do som


História&Talento

História&Talento

História e Talento




Mais lidas
 Você é o que come!

Você é o que come!

Nossas escolhas alimentares podem modificar nossa estrutura genética


Banda Pallets é escolhida para integrar o line do Festival Coolritiba

Banda Pallets é escolhida para integrar o line do Festival Coolritiba

Com mais de 8.400 votos a banda foi escolhida para tocar no palco Arnica Cultural no festival


Direito dos empregados.

Direito dos empregados.

Rescisão Indireta.


CINTO DE SEGURANÇA e TRIÂNGULO - COMO USAR?

 Festa Beneficente vai destinar fundos ao Setor de Queimados do Hospital Evangélico

Festa Beneficente vai destinar fundos ao Setor de Queimados do Hospital Evangélico

Convites já estão à venda. Festa acontecerá um evento de pré-inauguração da 25ª edição da CasaCor Paraná, mostra de arquitetura e decoração.


Som D’Luna lança seu primeiro CD apostando na renovação da música popular brasileira

Som D’Luna lança seu primeiro CD apostando na renovação da música popular brasileira

.Gravado em João Pessoa, com lançamento nas plataformas digitais e em formato físico, “NESSE TREM” reúne composições e arranjos dos gêmeos paraibanos Vitor e Diogo Luna




Mais notícias desta categoria


Voltar ao topo©Squarebits Software 2016.