Domingo, 19 de agosto de 2018, 08:44 h - Atualizado em 19/08, 11:47 h

Mostra musical "Tangos Hermanos" com Yamandu Costa e Renato Borghetti em Curitiba

Serão três shows conduzidos pelo grupo LiberTango que contarão com três convidados especiais.

Redação:Cultura
Autor: Redação
Foto:

Pela primeira vez em Curitiba, a mostra musical “Tangos Hermanos” é uma criação do grupo LiberTango. O espetáculo revela a importância do tango na formação da música brasileira e realça o diálogo entre as culturas latino-americanas. A série reúne dois dos maiores instrumentistas do mundo, Yamandu Costa (violão de sete cordas) e Renato Borghetti (acordeon); e a cantora Nina Wirtti, uma exponencial voz da nova geração de cantoras da MPB. Junto com o LiberTango, a maior expressão viva do tango no Brasil, os convidados mostram um lado mais portenho da música brasileira e dão um toque mais brasileiro ao tango.

 

Serão três shows do grupo LiberTango, entre os dias 24 e 26 de agosto. Cada convidado se apresentará em uma noite: Nina Wirtti canta no dia 24 (sexta), Yamandu Costa apresenta seu virtuosismo ao violão no dia 25 (sábado) e Renato Borghetti traz o encantamento de seu acordeon no dia 26 de agosto (domingo). A mostra realça as cores portenhas presentes na música brasileira desde o século XIX e cria canais para intensificar o diálogo cultural entre os países da América do Sul, numa época de crescente migração latina para as capitais brasileiras, em que se torna necessário conhecer a cultura do outro e saber apresentar a sua.

 

Destaca-se, ainda, a alta qualidade virtuosística dos instrumentistas brasileiros Yamandu Costa e Renato Borghetti, emprestando o seu talento raro para dialogar com o tango e a música latina, um lado ainda pouco conhecido de ambos, embora a influência desses ritmos esteja presente desde o início de suas carreiras. Por outro lado, a cantora Nina Wirtti vem, desde o início da carreira, dedicando-se também ao tango, já tendo se apresentando diversas vezes ao lado da família LiberTango.

 

 

Arte do encontro

 

A música pode ser definida como a arte do encontro. No caso do LiberTango, em específico, trata-se de um encontro familiar e, ao mesmo tempo, intercultural, visto que o grupo é formado por uma mãe argentina e por dois de seus filhos, ambos nascidos e criados no Rio de Janeiro. O resultado musical dessa fusão tem atraído públicos de diversas origens: brasileiros, argentinos, chilenos, bolivianos, venezuelanos e colombianos. A quantidade e diversidade de pessoas presentes nos shows comprovam a demanda latente, no campo da cultura, de ações de valorização da latinidade.

 

A realização deste projeto vem lançar luzes a um diálogo musical que se mantém vivo desde o final do século XIX. Conhecer melhor a cultura do vizinho, e suas influências na nossa cultura, é importante passo para ampliar as nossas trocas. A atual conjuntura política e econômica mundial faz emergir o anseio por uma efetiva integração latino-americana, uma realização que necessita de bases culturais para se solidificar. Daí, novamente, a importância da realização dessa mostra, no sentido de oferecer mecanismos para a criação de ações voltadas ao diálogo intercultural na América Latina.

 

A mostra “Tangos Hermanos” conduz o ouvido dos brasileiros para uma nova dimensão intercultural de sua nação, que se alimenta e é alimentada pelas culturas dos territórios vizinhos. Perceber a música brasileira de inspiração latina é olhar para si mesmo, para o seu interior. É devolver o olhar ao próximo, ao seu vizinho, a quem está ao seu lado. E é essa experiência que o grupo LiberTango oferece ao público de Curitiba.

 

 

 

Serviço

Música: “Tangos Hermanos”

Local: CAIXA Cultural Curitiba – Rua Conselheiro Laurindo, 280 – Curitiba (PR).

Data: 24 a 26 de agosto de 2018 (sexta a domingo). Nina Wirtti canta no dia 24 (sexta), Yamandu Costa se apresenta no dia 25 (sábado) e Renato Borghetti sobe ao palco no dia 26 de agosto (domingo).

Horário: sexta e sábado, às 20h e domingo, às 19h.

Ingressos: vendas a partir de 18 de agosto (sábado). R$ 30 e R$ 15 (meia – conforme legislação e correntistas que pagarem com cartão de débito CAIXA). A compra pode ser feita com o cartão vale-cultura.

Bilheteria: (41) 2118-5111 (De terça a sábado, das 12h às 20h. Domingo, das 16h às 19h.)

Classificação etária: Livre

Lotação máxima: 125 lugares (2 para cadeirantes)

 

Foto:

Foto:

Foto:



Seja o primeiro a comentar sobre esta notícia:



Colunista do dia
Cel Costa Filho

Cel Costa Filho

Segurança em Debate


Vale a Pena Ler de Novo

Vale a Pena Ler de Novo

Vale a Pena Ler de Novo




Mais lidas
Vitor Ramil no Grammy Latino

Vitor Ramil no Grammy Latino

O mais recente álbum do compositor soma duas indicações ao Latin GRAMMY


Maioridade penal?

Maioridade penal?

Segurança em Primeiro lugar


Wine & Trip - Harmonização de vinhos

Wine & Trip - Harmonização de vinhos

10 dicas valiosas para harmonizar comida com vinho


XIV Festival de Dança e Cultura Polonesa da Colônia Murici e Grupos convidados.

XIV Festival de Dança e Cultura Polonesa da Colônia Murici e Grupos convidados.

O evento acontece no dia 20 de outubro Salão Paroquial da Igreja Sagrado Coração de Jesus


Solyra Solidário arrecadará brinquedos ao som de Rock'n'roll  no Claymore Highway Bar

Solyra Solidário arrecadará brinquedos ao som de Rock'n'roll no Claymore Highway Bar

O evento acontece dia 03 de outubro e traz Banda Solyra, Relespública, Delorean, Carne de Onça e Acoustica, Marcelus e Juan do Motorocker, Vagner Capone, Gabi Nickel e o humorista Zico Lamour,


Escritor Ernani Buchmann com nova obra na praça.

Escritor Ernani Buchmann com nova obra na praça.

Destaques da semana




Mais notícias desta categoria


Voltar ao topo©Squarebits Software 2016. (Heroku)