Terça, 04 de setembro de 2018, 00:00 h - Atualizado em 25/09, 09:11 h

"No começo tudo é lindo.."

Sempre dizem a famosa frase para casais novos, realidade ou mau agouro?

Vale a Pena Ler de Novo:Empresarial
Autor: Amanda Lyra
O conteúdo desta matéria é de total responsabilidade do autor.
Foto: Divulgação.

Tem muita gente que sempre fala: "ah no começo é sempre assim, tudo é bom, depois vira numa m*", "aproveita agora esse mar de rosas", "só é bom assim no começo".. E eu me obrigo a sorrir aquele meio sorriso e acabo nunca dizendo o que eu penso.. Não se deve julgar os casais pela aparência, se você não sabe pelo o que já passaram juntos. O segredo da felicidade (nesse caso, a dois), é respeito, amor, compaixão, uma vontade imensa de deixar o outro bem, cuidado, tesão, vontade de fazer coisas juntos, e poder dar e ter seu espaço individual ( mesmo que acabe querendo compartilhar esse momento também, apenas o fato de poder, sem blá blá blá), brincadeiras, risada, sexo, amizade, companheirismo.

 

Dai se você acha que é muita coisa pra fazer, que é muito pra se doar, isso é um problema se você não encontrar alguém que queira o que você quer.. E eu não acho que adiante, aceitar alguém que não faz essas coisas e depois ficar reclamando e gorar o relacionamento alheio, só por que você não é bem tratada. Conheço meu marido a mais de 10 anos, e estamos juntos a 2 anos, vivemos na mesma casa faz um pouco mais que isso, e nossa convivência é muito boa, por que os nossos defeitos não agridem ao outro... E tudo na vida é uma batalha diária, ninguém disse que seria fácil, mas não precisa ser infeliz. Só dê o seu melhor, se a pessoa não faz o mesmo, é uma pena, e uma escolha sua passar o resto da vida com ela, e ficar anos se queixando de que ta tudo uma merda.

 

Pode ser que as coisas mudem, que não fiquemos mais juntos, mas todos os dias nós batalhamos para que seja sempre um recomeço, uma coisa nova, um novo sorriso... 

 

E tem aquelas pessoas que não entendem o fato do meu marido me ajudar tanto.... Sabe, eu sempre vou precisar de uma ajudinha física pelo resto da minha vida, mas não é por isso que ele me pega no colo pra subir uma escada, que me ajuda a levantar, que leva as coisas pesadas, que abre a porta do carro, e cada pequena coisa.. Ele faz por que ELE quer. E ele me agradece por tudo o que eu faço por ele diariamente, e quer saber é uma luta diária que não pesa.. Quando a gente segue pro mesmo lado, ficamos mais fortes.

 

 

E só mais uma coisa em especial para as mulheres: Não reclame que seu par nunca abre a porta do carro, se você sempre desce primeiro.

 

 

* Por Amanda Lyra - cantora, compositora, filha e esposa.



Seja o primeiro a comentar sobre esta notícia:



Colunista do dia
Coluna Kids

Coluna Kids

Coluna Kids


Direito & Cidadania

Direito & Cidadania

Direito & Cidadania


Kleiton Ramil

Kleiton Ramil

Canal do Kleiton




Mais lidas
Espetáculo Bita e os Animais anima a criançada neste fim de semana

Espetáculo Bita e os Animais anima a criançada neste fim de semana

Musical é apresentado no Teatro EBANX Regina Vogue


Curitiba será invadida por ações criativas

Curitiba será invadida por ações criativas

O World Creativity Day Brazil vai movimentar simultaneamente 52 cidades brasileiras com centenas de atividades gratuitas


Páscoa tem Coelho, oficinas infantis e camarim de de pintura facial

Páscoa tem Coelho, oficinas infantis e camarim de de pintura facial

Todas as atrações são gratuitas e acontecem na semana do feriadão


Festival “É No Choro Que Eu Vou” homenageia Wilson Moreira

Festival “É No Choro Que Eu Vou” homenageia Wilson Moreira

Teatro Sesi Portão recebe a 4ª edição do evento em abril


FRESH apresenta programação musical para o feriado de Páscoa

FRESH apresenta programação musical para o feriado de Páscoa

Espaço gastronômico terá shows ao vivo para animar a noite dos curitibanos


A era da distorção amorosa!

A era da distorção amorosa!

Amor é sinônimo de paixão? Amor é sinônimo de Obsessão?O que é o amor?




Mais notícias desta categoria


Voltar ao topo©Squarebits Software 2016. (Heroku)