Terça, 17 de julho de 2018, 00:00 h - Atualizado em 17/07, 00:00 h

Socorro: Chame o Direitos Humanos!

Destaque da Semana

Cel Costa Filho:São José dos Pinhais
Autor: Redação
Foto:

É comum ao ouvirmos uma notícia sobre algo que se refere a segurança, e se nessa notícia, algum dos marginais se ferir ou for morto, verão a presença de alguma ONG que sobrevive recebendo dinheiro público, ou seja, dinheiro dos impostos que pagamos, se posicionando e cobrando uma atitude enérgica do Estado, para que responsabilizem quem feriu ou matou o “pobre marginal”.

Mas se na mesma notícia a vítima for um cidadão de bem, um pai ou a mãe de uma família de trabalhadores, ou um de seus filhos, esses mesmos defensores dos Direitos Humanos, com certeza não estarão presentes. 

Não achem que sou contra as pessoas serem respeitadas e terem seus direitos e garantias individuais respeitados, mas que esses mesmos direitos sejam iguais para todas as pessoas, e não sejam cobrados apenas em defesa dos marginais.    

A sociedade tem o direito de ser segura, de se sentir segura, e não vermos apenas uma parcela da sociedade tendo seus direitos cobrados e pleiteados aos brados por organizações que só tem olhos para essa minoria, que na prática, são os que mais mal geram a sociedade através do cometimento de crimes, assassinatos e do uso de violência gratuita contra suas vítimas.

Essa falta de padrão de comportamento, onde os menores infratores e os criminosos sempre se sentem protegidos, (sendo que a diferença entre o termo “infrator” e “criminoso” é só esperar o menor de idade, completar 18 anos, pois os dois cometem crimes e matam)  e o cidadão de bem, se sente desamparado, os marginais estão se tornando a cada dia mais violentos contra suas vítimas, pois sabem, que se forem presos, ou serão soltos pela burocracia da justiça, cumprirão penas pequenas e em pouco tempo estarão em liberdade, ou esses “defensores” bancados pelo Estado estarão ao seu lado para defende-los e briar por sua liberdade.       

"Nunca esqueçam, PREVENIR é sempre o melhor remédio.

Para sugestões mandem e-mail para coronelcosta181@gmail.com

 



Seja o primeiro a comentar sobre esta notícia:



Colunista do dia
História&Talento

História&Talento

História e Talento


Vera Rosa

Vera Rosa

Coluna Vera Rosa




Mais lidas
Antropofocus comemora 18 anos com Temporada de aniversário

Antropofocus comemora 18 anos com Temporada de aniversário

Antropofocus 18 anos acontece no Teatro Zé Maria, de 18 a 27 de outubro.


Shopping São José promove ações em prol do Outubro Rosa

Shopping São José promove ações em prol do Outubro Rosa

Ações serão realizadas em parceria com o Clube da Alice com o objetivo de alertar sobre a importância da prevenção do câncer de mama


Grupo de ballet realizará apresentação no Teatro SESI SJP

Grupo de ballet realizará apresentação no Teatro SESI SJP

Cultura no Teatro SESI apresenta o espetáculo na quarta-feira (24)


Enfim, as escolas nascentes?

Enfim, as escolas nascentes?

Mais um texto da série especial


Espetáculo "Em casa a gente conversa" traz Cássio Reis e Juliana Knust

Espetáculo "Em casa a gente conversa" traz Cássio Reis e Juliana Knust

Peça aborda problemas rotineiros do casamento em duas apresentações no Teatro Regina Vogue


II Mostra Intermunicipal Mulheres na Ciência: exposições estão abertas

II Mostra Intermunicipal Mulheres na Ciência: exposições estão abertas

É a segunda vez consecutiva que o município de São José dos Pinhais realiza um evento dessa proporção.




Mais notícias desta categoria


Voltar ao topo©Squarebits Software 2016. (Heroku)