Futura fábrica do Electrolux Group em SJP está em fase de terraplanagem

No início deste ano, a futura fábrica do Electrolux Group teve seus estudos de impacto apresentados detalhadamente para a comunidade de São José dos Pinhais em uma audiência pública no dia 08 de janeiro, e a área onde ficará a fábrica, no bairro do Agaraú, está na fase de terraplanagem, capitaneada pela prefeitura do município.

Nos primeiros dias de 2024, representantes da empresa, da prefeitura local e de empresas parceiras especializadas se reuniram na Capela Nossa Senhora Candeias para mostrar à comunidade local estudos ambientais, sociais e tudo o que envolve a fábrica. É o caso do Estudo de Impacto à vizinhança, conhecido como EIV, que detalhou os benefícios que esse empreendimento levará ao município, como a geração de dois mil novos postos de trabalho, incluindo o comprometimento de priorização na contratação de mão de obra local.

Em fevereiro, teve início o processo de terraplanagem na área onde ficará a fábrica. No trabalho, prefeitura e a empresa reforçam sua preocupação com o bem-estar e a saúde dos moradores da região. Um exemplo é a atuação dos caminhões e tratores, que não circulam no entorno da área e ficam alocados apenas no terreno. Ou seja, a movimentação acontece apenas no espaço, reduzindo barulho, sujeira e emissão de poeira no local, assim, minimizando o impacto ambiental.

Paralelo a isso, o Electrolux Group aguarda a análise final do órgão ambiental estadual Instituto Água e Terra para receber a Licença de Instalação, que é obrigatória para a instalação de um empreendimento desta dimensão em qualquer município. Essa certificação assegura que a empresa controlará os possíveis impactos ao meio ambiente e à saúde da população, como vem sendo realizado na própria terraplanagem do local.  É, também, mais uma etapa no processo para que a fábrica em São José dos Pinhais alcance a certificação LEED, que reconhece práticas de construção verdes e operações sustentáveis. A futura planta no Paraná será a primeira do Grupo 100% sustentável.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui